Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,31 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -908,97 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,29
    -0,61 (-0,70%)
     
  • OURO

    1.836,10
    -6,50 (-0,35%)
     
  • BTC-USD

    35.217,52
    -3.106,05 (-8,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    870,86
    +628,18 (+258,85%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,02 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.965,55
    +13,20 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    27.522,26
    -250,67 (-0,90%)
     
  • NASDAQ

    14.411,00
    -430,00 (-2,90%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1900
    +0,0599 (+0,98%)
     

Petrobras, Novonor definem bancos para oferta da Braskem: Fontes

·1 min de leitura

(Bloomberg) -- Os acionistas controladores da Braskem, uma das maiores petroquímicas do mundo, definiram os bancos que vão coordenar uma oferta subsequente de ações preferenciais da companhia que pode movimentar cerca de R$ 8,3 bilhões, segundo pessoas com conhecimento do assunto.

Most Read from Bloomberg

A Novonor, ex-Odebrecht, e a Petrobras estão trabalhando com JPMorgan, Morgan Stanley, Bradesco BBI, Itaú BBA, BTG Pactual, Citi, UBS BB e Santander Brasil na transação, disseram as pessoas, que pediram anonimato porque a informação ainda não é pública. O plano é realizar o follow-on até o fim de janeiro, disseram as pessoas.

Novonor, Petrobras, Citi, UBS BB e BTG não comentam. Braskem, Itaú BBA, Bradesco BBI, Santander, JPMorgan e Morgan Stanley não responderam imediatamente a pedido de comentário.

Juntas, a Novonor e a Petrobras podem vender até 20% da Braskem, se desfazendo de todas as ações preferenciais que elas detêm na companhia, de acordo com um comunicado da Petrobras em dezembro. A fatia é avaliada em cerca de R$ 8,3 bilhões, de acordo com dados compilados pela Bloomberg. Após a venda, as companhias ainda teriam uma participação de quase 55% na Braskem por meio de ações ordinárias.

As ações da Braskem subiram 145% no ano passado, o segundo melhor desempenho do Ibovespa. Analistas veem espaço para alta de cerca de 30% do papel em relação aos níveis atuais, segundo projeções compiladas pela Bloomberg.

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2022 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos