Mercado fechado

Petrobras inicia fase vinculante de venda de quatro refinarias

Rita Azevedo e Rodrigo Polito

Entre os ativos que serão vendidos nessa fase, está a refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco A Petrobras iniciou nesta sexta-feira a fase vinculante da primeira etapa da venda de ativos em refino e logística no país. Os potenciais compradores dos ativos irão receber carta-convite com instruções detalhadas sobre o processo de desinvestimento.

Reprodução / Facebook Petrobras

Entre os ativos que serão vendidos nessa fase, estão a refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, Landulpho Alves, na Bahia, Presidente Getúlio Vargas, no Paraná, e Alberto Pasqualini, no Rio Grande do Sul. Juntas, as quatro refinarias têm capacidade de processamento de 879 mil barris por dia.

Em evento nesta semana na Firjan, o diretor de relacionamento institucional da companhia, Roberto Ardenghy, disse que o pacote de desinvestimentos de refinarias já atraiu uma quantidade “bastante positiva” de interessados.

“No caso do refino, já iniciamos a venda de quatro refinarias. Esse é o primeiro pacote. Já recebemos as ofertas não-vinculantes. E estamos no processo de abertura do nosso data-room às empresas interessadas”, disse Ardenghy, “Já temos uma quantidade bastante positiva de empresas interessas nesses quatro parques de refino”, completou.