Mercado fechará em 3 h 33 min
  • BOVESPA

    118.696,67
    +1.316,18 (+1,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.656,84
    -469,67 (-1,04%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,70
    -0,07 (-0,13%)
     
  • OURO

    1.854,30
    -0,90 (-0,05%)
     
  • BTC-USD

    31.477,29
    -891,00 (-2,75%)
     
  • CMC Crypto 200

    632,64
    -14,69 (-2,27%)
     
  • S&P500

    3.856,68
    +1,32 (+0,03%)
     
  • DOW JONES

    31.002,82
    +42,82 (+0,14%)
     
  • FTSE

    6.661,06
    +22,21 (+0,33%)
     
  • HANG SENG

    29.391,26
    -767,75 (-2,55%)
     
  • NIKKEI

    28.546,18
    -276,11 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.482,25
    +6,75 (+0,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5514
    -0,0848 (-1,28%)
     

Petrobras diz que deve receber R$319 mi com venda de fatia na BSBios

Roberto Samora
·1 minuto de leitura
Logo da Petrobras na sede da empresa no Rio de Janeiro

Por Roberto Samora

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras informou nesta sexta-feira que sua subsidiária integral de biocombustíveis PBio deverá receber 319 milhões de reais pela venda da totalidade de 50% de sua participação na BSBios para a empresa RP Participações em Biocombustíveis, caso o acordo seja aprovado.

A Diretoria Executiva da PBio aprovou o encaminhamento da matéria para deliberação dos órgãos competentes da Petrobras, segundo fato relevante.

O valor atribuído a 100% da BSBIOS é de 1,235 bilhão de reais na data base de 30 de novembro de 2020.

"Com as deduções da dívida líquida e demais ajustes de preços, o valor líquido a ser recebido pela PBio (50% da BSBios) será da ordem de 319 milhões de reais, caso a transação seja aprovada", afirmou.

A BSBios é proprietária de duas usinas de biodiesel: uma em Passo Fundo (RS), com capacidade de produção de 414 mil m³/ano, capacidade de esmagamento de 1.152 mil toneladas/ano e de armazenamento de 120 mil toneladas de grãos, 60 mil toneladas de farelo e 7,5 mil m³ de biodiesel; e outra localizada em Marialva (PR), com capacidade de produção de 414 mil m³/ano e de armazenamento de 3 mil m³ de óleo vegetal, 1,5 mil m³ de gordura animal e 4,5 mil m³ de biodiesel.