Mercado fechará em 1 h 55 min
  • BOVESPA

    108.435,15
    +498,04 (+0,46%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.417,02
    -473,57 (-0,93%)
     
  • PETROLEO CRU

    85,13
    +1,82 (+2,18%)
     
  • OURO

    1.848,90
    +7,20 (+0,39%)
     
  • BTC-USD

    36.876,30
    +2.520,86 (+7,34%)
     
  • CMC Crypto 200

    837,67
    +17,08 (+2,08%)
     
  • S&P500

    4.326,50
    -83,63 (-1,90%)
     
  • DOW JONES

    33.979,67
    -384,83 (-1,12%)
     
  • FTSE

    7.371,46
    +74,31 (+1,02%)
     
  • HANG SENG

    24.243,61
    -412,85 (-1,67%)
     
  • NIKKEI

    27.131,34
    -457,03 (-1,66%)
     
  • NASDAQ

    14.087,50
    -413,50 (-2,85%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1844
    -0,0443 (-0,71%)
     

Combustíveis terão novo aumento; alta ocorre na quarta

·1 min de leitura
Estatal justificou que combustíveis terão novo aumento aumento para conter risco de desabastecimento (Getty)
Estatal justificou que combustíveis terão novo aumento aumento para conter risco de desabastecimento (Getty)
  • Combustíveis terão novo aumento; valor médio deve subir cerca de 4,85% na gasolina;

  • Já para quem abastece com diesel, o preço deve chegar a 8,08%;

  • Estatal justificou que aumento pode conter risco de desabastecimento.

A Petrobras anunciou nesta terça-feira, 11, novo aumento no valor da venda de combustíveis. Com o reajuste, a parcela da estatal no preço ao consumidor passará de R$2,26, em média, para R$2,37 a cada litro vendido na bomba. No caso do diesel, a participação da empresa no valor repassado ao consumidor antes do aumento era de R $3,01, agora será de R $3,25 por litro. 

Segundo comunicado da empresa petroleira, o novo reajuste entrará em vigor a partir de quarta-feira. A última alteração no preço dos combustíveis pela estatal ocorreu em dezembro de 2021. Na ocasião, a empresa baixou o valor em 3,13%.

No comunicado, a Petrobras justificou que o aumento vai ocorrer "para garantir que o mercado siga sendo suprido em bases econômicas e sem riscos de desabastecimento pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às diversas regiões brasileiras: distribuidores, importadores e outros produtores, além da Petrobras".

A estatal também informou que "reitera seu compromisso com a prática de preços competitivos e em equilíbrio com o mercado, acompanhando as variações para cima e para baixo, ao mesmo tempo em que evita o repasse imediato para os preços internos, das volatilidades externas e da taxa de câmbio causadas por eventos conjunturais."

Valor do diesel subiu 46,1% em dezembro

No período de dezembro de 2020 a dezembro de 2021 o valor do combustível sofreu alta de 46%, segundo apontou levantamento da Ticket Log, passando de 3,841 reais por litro para 5,612.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos