Petróleo WTI fecha em alta em Nova York

Nova York, 9 nov (EFE).- O Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta sexta-feira em alta de 1,15%, cotado a US$ 86,07 por barril e impulsionado pela difusão de dados macroeconômicos melhores do que o previsto nos Estados Unidos e China, de modo que acumulou um avanço semanal de 1,4%.

No fechamento da última sessão da semana na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos de futuros do WTI para entrega em dezembro, os de mais próximo vencimento, subiram US$ 0,98 frente ao preço de fechamento da quinta-feira.

Os operadores preferiram a compra de futuros do chamado "ouro negro" depois que se soube que a confiança dos consumidores dos Estados Unidos (o maior consumidor de energia do mundo) subiu em novembro para seu nível mais alto em cinco anos, segundo a Universidade de Michigan.

Também influiu sobre o preço do WTI que a produção industrial da China tenha aumentado em outubro 9,6% em relação ao mesmo mês de 2011, enquanto que a OCDE predisse que a economia desse país vai superar a da zona do euro em 2012 e a dos EUA dentro de seis ou oito anos.

Assim, o WTI subiu 1,4% durante esta semana, na qual registrou bruscos movimentos de alta e de baixa.

Por outro lado, os contratos de gasolina com vencimento em dezembro subiram US$ 0,09 e ficaram em US$ 2,69 por galão (3,78 litros), de modo que esta semana acumularam alta de 4,6%.

Por sua vez os de gasóleo para calefação também para entrega esse mês subiram US$ 0,05 e fecharam em US$ 3 por galão, de modo que durante os últimos cinco dias se revalorizaram 2%.

Enquanto isso, os contratos de gás com vencimento em dezembro caíram US$ 0,10 e fecharam em US$ 3,50 por cada mil pés cúbicos, de modo que retrocederam 1,4% esta semana. EFE

Carregando...