Petróleo sobe após maior queda do ano na quarta-feira

Os preços do petróleo tiveram uma alta moderada nesta quinta-feira, um dia depois da maior queda do ano. Na quarta-feira, os contratos de petróleo bruto para dezembro haviam caído 4,8% na New York Mercantile Exchange (Nymex), em reação ao informe do Departamento de Energia dos Estados Unidos sobre o nível dos estoques na semana passada.

Os traders hesitam, porém, em levar os preços muito para cima, por causa da preocupação com a chance de persistir o impasse no Congresso dos EUA quanto ao problema da dívida pública e dos impostos. "Todo mundo suspeita da capacidade de republicanos e democratas para chegar a um acordo até o fim do ano", disse Bob Yawger, do Mizuho Bank.

Não teve impacto no mercado a notícia de que caças da Força Aérea do Irã dispararam contra um avião não tripulado dos EUA que espionava território iraniano. "Estamos tão focados na debilidade da economia e na perspectiva da demanda que o prêmio geopolítico não está encontrando reação atualmente", disse John Kilduff, da Again Capital.

Na Nymex, os contratos de petróleo para dezembro fecharam a US$ 85,09 por barril, em alta de US$ 0,65 (0,77%). Na Intercontinental Exchange (ICE), os preços do petróleo Brent encerraram a US$ 107,25 por barril, em alta de US$ 0,43 (0,40%). As informações são da Dow Jones.

Carregando...