Petróleo cai com incertezas econômicas globais

Os contratos futuros de petróleo operam em baixa, com os investidores mais uma vez preocupados com as incertezas econômicas globais e como a demanda futura pela commodity poderá ser afetada.

A posição de cautela foi inspirada por dados do Japão, que mostraram seu Produto Interno Bruto (PIB) registrando uma contração anual de 3,5% no terceiro trimestre, a maior queda desde o grande terremoto e tsunami que atingiram o país em março do ano passado.

Além disso, o Irã disse na última sexta-feira (09) que vai retomar conversações com a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) em dezembro, aliviando temores de que o grande produtor de petróleo pudesse comprometer a oferta da commodity.

"Parece que, finalmente, parte da pressão internacional está começando a fazer os iranianos falarem mais", comentou Christin Tuxen, analista sênior da Danske Research. "Isso é algo que pode pesar nos preços do petróleo mais para a frente."

Para Simon Wardell, gerente de pesquisa da IHS Global Insight, o anúncio do Irã pode ajudar a reduzir os preços do petróleo, mas o mercado está mais focado na situação econômica da China e da Europa.

Às 10h09 (de Brasília), o petróleo para dezembro negociado na Nymex caía 0,17%, para US$ 85,92 por barril, e o brent para dezembro recuava 0,20% na ICE, para US$ 109,18 por barril. As informações são da Dow Jones.

Carregando...