Mercado abrirá em 43 mins
  • BOVESPA

    117.560,83
    +363,01 (+0,31%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.326,68
    +480,85 (+1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,74
    +1,29 (+1,46%)
     
  • OURO

    1.716,70
    -4,10 (-0,24%)
     
  • BTC-USD

    19.996,83
    -237,95 (-1,18%)
     
  • CMC Crypto 200

    454,77
    -8,35 (-1,80%)
     
  • S&P500

    3.744,52
    -38,76 (-1,02%)
     
  • DOW JONES

    29.926,94
    -346,93 (-1,15%)
     
  • FTSE

    7.009,12
    +11,85 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    17.740,05
    -272,10 (-1,51%)
     
  • NIKKEI

    27.116,11
    -195,19 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    11.502,25
    -39,50 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1067
    -0,0068 (-0,13%)
     

Pessoas com sangue tipo A têm risco 16% maior de derrame antes dos 60

Quem tem o tipo sanguíneo A corre maior risco de ter um Acidente Vascular Cerebral (AVC), também conhecido como derrame, antes dos 60 anos, segundo pesquisadores norte-americanos. O risco de obstrução dos vasos sanguíneos é 16% maior do que para os outros tipos, como B, AB e O.

Publicada na revista científica Neurology, a metanálise foi liderada por pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos. Durante a pesquisa, também foi possível concluir que as pessoas com o tipo sanguíneo O são as que correm menos riscos de sofrerem com um AVC precoce.

Pessoas com o tipo sanguíneo A têm maior risco de sofrer um derrame precoce (Imagem: Seventyfourimages/Envato)
Pessoas com o tipo sanguíneo A têm maior risco de sofrer um derrame precoce (Imagem: Seventyfourimages/Envato)

“Essas pessoas [que têm derrame] são mais propensas a morrer em decorrência do evento, e os sobreviventes potencialmente enfrentam décadas com deficiência. Apesar disso, há pouca pesquisa sobre as causas de derrames precoces”, explica Steven Kittner, professor de neurologia e um dos autores do estudo, em comunicado.

Como foi feito o estudo que estima o risco de derrame antes dos 60?

Na pesquisa, a equipe de cientistas considerou outros 48 estudos que envolviam detalhes sobre genética e a incidência de derrames entre os pacientes. No total, foram contabilizados 17 mil pessoas que tiveram um AVC com menos de 60 anos e outros 600 mil indivíduos saudáveis.

Após o ajuste de acordo com o sexo e outros fatores, os pesquisadores descobriram que as pessoas como o tipo sanguíneo A tinham um risco 16% maior de ter um derrame precoce do que pessoas com outros tipos sanguíneos. Por outro lado, quem é do tipo O tem um risco 12% menor para o AVC precoce do que pessoas com outros tipos sanguíneos.

Por que o tipo sanguíneo A é mais perigoso?

No momento, a equipe de pesquisadores ainda não sabe o porquê dos casos de precoces de AVC serem mais associados com um tipo específico. “Ainda não sabemos por que o tipo sanguíneo A confere um risco maior, mas provavelmente tem algo a ver com fatores de coagulação do sangue, como plaquetas e células que revestem os vasos sanguíneos, bem como outras proteínas circulantes, que desempenham um papel importante no desenvolvimento de coágulos sanguíneos”, pondera Kittner.

Agora, "precisamos de mais estudos de acompanhamento para esclarecer quais são os mecanismos que levam ao aumento do risco de acidente vascular cerebral” em pessoas do tipo A, completa o pesquisador.

Na pandemia da covid-19, outra equipe de pesquisadores descobriu que quem é do tipo sanguíneo A tem maior risco em desenvolver formas graves da doença. Este risco é 2,5 vezes maior quando comparado com pessoas que são tipo O. Da mesma forma que a atual pesquisa, não foi possível chegar a uma conclusão por trás da evidência.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: