Mercado fechará em 1 h 52 min
  • BOVESPA

    111.245,19
    -2.567,68 (-2,26%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.522,15
    -207,65 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,40
    -0,10 (-0,11%)
     
  • OURO

    1.763,40
    -7,80 (-0,44%)
     
  • BTC-USD

    21.456,46
    -1.850,42 (-7,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    510,06
    -31,54 (-5,82%)
     
  • S&P500

    4.233,97
    -49,77 (-1,16%)
     
  • DOW JONES

    33.761,71
    -237,33 (-0,70%)
     
  • FTSE

    7.550,37
    +8,52 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,77 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.276,50
    -246,75 (-1,82%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1899
    -0,0239 (-0,46%)
     

Peso argentino bate nova mínima de 350 por dólar; títulos operam em nível calote

Notas de peso argentino

BUENOS AIRES (Reuters) - O peso argentino caiu para uma mínima recorde de 350 por dólar nas negociações no mercado informal nesta sexta-feira, diante da pressão contínua de investidores que buscam se proteger em moeda forte, disseram operadores.

O peso no mercado informal ou "blue" perdia 3,71%, para 345/350 por dólar, com poucos vendedores de moeda estrangeira, segundo operadores. A diferença sobre a taxa do mercado formal disparou para 169,69%.

"Isso não tem limites, e os compradores estão lá porque estão procurando se proteger contra uma perspectiva incerta", disse uma fonte do mercado.

No mercado de títulos, os papéis negociados no balcão perdiam em média 1,1% nesta sexta-feira, com uma saída persistente de investidores devido às crescentes dúvidas sobre o futuro da terceira maior economia da América Latina.

O título de referência Bonar 2030 desvalorizava-se 2,1%, com uma taxa de retorno ("yield") em dólares superior a 40%, refletindo o risco implícito.

"Os títulos estão sendo negociados em níveis de calote", disse um operador.

O risco-país compilado pelo banco JPMorgan subia 31 pontos-base, para 2.945 pontos-base.

A bolsa argentina rondava estabilidade na sessão, um dia depois de o banco central limitar a quantidade de CEDEAR (papel estrangeiro de negociação nacional) em carteira às empresas com acesso ao mercado cambial.

O índice Merval tinha variação positiva de 0,036%, aos 112.057,8 pontos, às 12h51 (de Brasília).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos