Mercado abrirá em 3 h 14 min
  • BOVESPA

    120.705,91
    +995,88 (+0,83%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.829,31
    +80,90 (+0,17%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,46
    +0,64 (+1,00%)
     
  • OURO

    1.833,80
    +9,80 (+0,54%)
     
  • BTC-USD

    50.757,95
    +1.151,73 (+2,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.404,56
    +16,65 (+1,20%)
     
  • S&P500

    4.112,50
    +49,46 (+1,22%)
     
  • DOW JONES

    34.021,45
    +433,79 (+1,29%)
     
  • FTSE

    7.007,47
    +44,14 (+0,63%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.245,50
    +145,25 (+1,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4254
    +0,0129 (+0,20%)
     

Peru bate recorde de casos de Covid em um dia

·1 minuto de leitura
Funcionário desinfeta centro de votação em Lima, em 10 de abril de 2021

O Peru superou nesta quinta-feira pela primeira vez a barreira diária de 13 mil infectados pelo novo coronavírus, somando 13.326 novos casos confirmados, no momento em que a segunda onda atinge sem trégua o país, impulsionada pela variante do Brasil.

A cifra, divulgada pelo Ministério da Saúde, eleva a 1.681.063 o total de casos em 13 meses de pandemia no Peru, cuja população é de 33 milhões de habitantes. As mortes aumentaram em 337 nas últimas 24 horas, somando 56.149 óbitos no total.

Para enfrentar a crise, o governo irá retomar no próximo dia 25 a quarentena dominical obrigatória em Lima e 41 das 196 províncias peruanas. Na capital do país, 40% dos casos se devem à variante brasileira, informou o ministro da Saúde, Oscar Ugarte.

Em meio ao aumento do número de infectados, os peruanos foram às urnas no último domingo para eleger o sucessor do presidente interino, Francisco Sagasti, e renovar o Congresso. As autoridades descartaram adiar as eleições, que terão um segundo turno em junho.

ljc/mps/lb