Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    47.960,53
    -446,62 (-0,92%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.282,75
    -226,75 (-1,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Perfis do DJ Alok no YouTube e Twitter foram hackeados na tarde de hoje (27)

·2 minuto de leitura

*Atualizado às 19h15 desta sexta-feira (27), com as respostas do YouTube e do Twitter.

As páginas de YouTube e Twitter do DJ brasileiro Alok foram hackeados na tarde desta sexta-feira (27). Houve uma mudança de comportamento dos dois perfis. A conta do YouTube postou um vídeo sobre como ganhar criptomoedas, com o título "CARDANO ADA - GET READY FOR NEW BULL RUN! CARDANO NFT PROJECTS KEY ADVANTAGES". A área principal também estava em branco, e apenas cinco vídeos constavam no canal, que conta com 6,14 milhões de inscritos.

A Cardano é uma plataforma de blockchain e Ada é o nome de sua criptomoeda. A tradução do título do incomum vídeo seria algo como "Cardano Ada - Esteja pronto para a nova corrida de touros [jargão para mercados em crescimento rápido]! Projetos em Cardano NFT (sigla para token não-fungível), principais vantagens".

(Imagem: Captura de tela/Ruancarlo Silva)
(Imagem: Captura de tela/Ruancarlo Silva)

O vídeo foi visto por poucos minutos na página de Alok, mas já foi retirado. Por um tempo, a imagem de avatar da página também ficou em branco, restando apenas o "A" de Alok; um procedimento padrão do YouTube quando o usuário ainda não colocou material gráfico ou apagou a anterior sem substitui-la.

Além disso, a conta de Twitter de Alok postou um tuíte dizendo: "The most legendary event from Elon Musk has started. I prepared for it for a long time :) Come??", seguido de um link — a tradução livre seria "O mais lendário evento de Elon Musk começou. Estou preparado para isso há bastante tempo :) Vamos??". A reportagem tentou realizar uma captura de tela, mas a postagem já havia sido apagada — antes disso, estava neste link.

Às 17h33, Alok tuitou novamente para informar que obteve novamente o controle dos perfis. "Invadiram as minhas contas e um bot publicou um site que pode ser malicioso. Evitem acessos em sites estranhos publicados recentementes por alguma conta minha. Tudo está normalizado agora. ;)". Além disso, os demais vídeos da sua conta no YouTube foram restaurados.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
"Cardano ADA", um dos resquícios do ataque (Imagem: Captura de Tela/Canaltech)
"Cardano ADA", um dos resquícios do ataque (Imagem: Captura de Tela/Canaltech)

Posicionamento do YouTube e do Twitter

O Canaltech entrou em contato com o YouTube e o Twitter sobre o assunto, e ambas as empresas deram respostas, digamos, evasivas.

A assessoria nacional do YouTube emitiu o seguinte comunicado: "Checamos por aqui e não houve nenhuma ação por parte do YouTube no canal do Alok. Recomendamos que vocês chequem a informação diretamente com o artista ou sua gravadora".

Já a assessoria do Twitter se limitou a dizer que ainda vai trabalhar mais na apuração antes de se posicionar.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos