Mercado fechado

Perda de clientes acelerou redução de receita da Liq Participações em 2019

Alexandre Melo

Em setembro, a empresa de contact center perdeu um contrato com a Claro Brasil A situação da Liq Participações, antiga Contax, ficou mais delicada no decorrer deste ano com a perda de clientes e volume de ligações em operações importantes, que aprofundaram a queda na receita da companhia. A empresa pediu nesta segunda-feira recuperação extrajudicial.

O Valor apurou que, em setembro, a empresa de contact center perdeu um contrato com a Claro Brasil que resultou na demissão de aproximadamente 3,2 mil funcionários nos Estados do Acre, Bahia e Pernambuco.

As empresas de telecomunicações são a mais importante fonte de receita da Liq dentre os cerca de 40 clientes atendidos. Fontes disseram à reportagem do Valor que a Oi, que está em recuperação judicial e um de seus principais contratantes, também reduziu o volume de serviços com a empresa de contact center e marketing promocional.

Esse processo de queda nos volumes é explicado por dois fatores: investimento em estrutura própria por parte de operadoras e bancos, em busca de relacionamento direto com o cliente, e a digitalização do atendimento ao consumidor.

Clientes da Liq Participações acompanhavam com cautela a reestruturação da dívida e a constante troca no comando das operações. A estratégia era reduzir a dependência caso a situação da Liq Participações se agravasse.

A empresa chegou a ter mais de 100 mil funcionários, mas, desde 2016, quando a Oi entrou em recuperação judicial, passou a encolher em ritmo acelerado. No quarto trimestre de 2019, eram 21 mil colaboradores distribuídos por 11 unidades no país.