Mercado fechado

Pelosi critica Casa Branca, mas diz que acordo sobre pacote fiscal ainda é possível

Lucas de Vitta
·2 minuto de leitura

O porta-voz da líder democrata afirmou que, para prosperar, o acordo depende da concordância do líder da maioria republicana no Senado A presidente da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, fez críticas à Casa Branca nesta segunda-feira (26), após uma nova conversa com o secretário do Tesouro americano, Steven Mnuchin, mas afirmou que ainda é possível chegar a um pacote de estímulos antes das eleições, na próxima semana. Em uma carta enviada a deputados democratas, Pelosi questionou uma declaração dada no domingo (25) pelo chefe de gabinete de Trump, Mark Meadows, de que o governo “não irá controlar a pandemia”. Mais tarde, depois de conversar com Mnuchin, a líder democrata reforçou as críticas por meio de seu porta-voz, Drew Hammill. Em uma série de mensagens postadas no Twitter, Hammill afirmou que os democratas aguardam “ansiosamente” a aceitação por parte da Casa Branca dos planos apresentados pelo partido para enfrentar a covid-19, que incluem um programa estratégico nacional de testes e rastreamento de casos. O plano faz parte de uma “lista de prioridades” entregue por Pelosi a Mnuchin na última semana. Antes da conversa de hoje, a líder democrata havia afirmado que esperava uma contraproposta da Casa Branca, algo que parece não ter ocorrido. O porta-voz da líder democrata também afirmou que, para prosperar, um eventual acordo depende do líder da maioria republicana no Senado, Mitch McConnell, que já sinalizou publicamente que se opõe aos valores discutidos — cerca de US$ 2 trilhões. Initial plugin text Apesar das críticas, Pelosi segue otimista sobre as chances de haver um entendimento com os republicanos antes do dia 3 de novembro, data em que os americanos escolhem quem será o novo presidente do país pelos próximos quatro anos. “A presidente [da Câmara] continua otimista de que um acordo pode ser alcançado antes das eleições”, disse o porta-voz de Pelosi, na rede social.