Mercado fechado

Pelosi cobra da Casa Branca resposta à proposta democrata sobre pacote de estímulos

Lucas de Vitta
·1 minuto de leitura

Presidente da Câmara dos Deputados dos EUA enviou uma carta ao secretário do Tesouro, que lidera as negociações A presidente da Câmara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi, cobrou nesta quinta-feira uma resposta da Casa Branca à mais recente proposta feita pelos democratas nas negociações sobre um novo pacote de estímulos à economia do país. Pelosi divulgou hoje uma carta enviada por ela ao secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, que lidera as negociações pelo lado do governo federal. No documento, a líder democrata afirma que, enquanto o país se aproxima de 9 milhões de casos e 250 mil mortes por covid-19, a Casa Branca ainda não respondeu à proposta democrata para incluir no pacote uma estratégia de enfrentamento ao vírus. “Ainda estamos esperando as respostas prometidas pela administração Trump a múltiplos itens de importância crítica”, escreveu a líder democrata na carta, elencando os inúmeros pontos de discordância e citando também as recentes quedas nas bolsas de valores dos EUA. Pelosi mencionou uma recente promessa feita pelo presidente dos EUA, Donald Trump, de que o país terá “o melhor pacote de estímulos já visto depois das eleições”, para cobrar que a Casa Branca pressione o líder da maioria republicana no Senado, Mitch McConnell, a aceitar o pacote negociado por ela e Mnuchin. Antes das declarações da líder democrata, o principal assessor econômico da Casa Branca, Larry Kudlow, afirmou em entrevista à “Fox News” que Pelosi não está disposta a se comprometer para que as negociações avancem e que não há qualquer sinal de que as partes chegarão a um acordo. Pelosi cobrou o governo Trump sobre uma resposta ao pacote de estímulos Andrew Harnik/AP