Mercado abrirá em 2 h 53 min
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,74 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,27
    +3,12 (+4,58%)
     
  • OURO

    1.800,10
    +12,00 (+0,67%)
     
  • BTC-USD

    57.333,86
    +2.939,48 (+5,40%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.430,52
    -24,89 (-1,71%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,06 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.090,30
    +46,27 (+0,66%)
     
  • HANG SENG

    23.852,24
    -228,28 (-0,95%)
     
  • NIKKEI

    28.283,92
    -467,70 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.185,50
    +134,50 (+0,84%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2887
    -0,0598 (-0,94%)
     

PEC dos Precatórios abrirá espaço de R$15 bi em 2021, diz secretário do Orçamento Federal

·1 min de leitura
Prédio do Ministério da Economia manchado com tinta lançada por manifestantes

BRASÍLIA (Reuters) - O secretário do Orçamento Federal, Ariosto Culau, afirmou que a mudança de metodologia para o cálculo do teto de gastos na PEC dos Precatórios abriria um espaço orçamentário de 38,5 bilhões de reais neste ano, mas destacou que o próprio texto da proposta limita esse aumento a 15 bilhões de reais neste ano.

Segundo Culau, esses 15 bilhões poderão ser utilizados, após a aprovação da PEC, mas desde que relacionados ao atendimento de despesas de vacinação contra a Covid-19 ou a ações emergenciais e temporárias de caráter socioeconômico.

Ele defendeu ainda que, apesar das mudanças propostas para a regra do teto, os fundamentos da regra "estão plenamente mantidos", com a existência de um limite para despesas.

Para o Orçamento de 2022, a PEC dos Precatórios abre um espaço total de 91,6 bilhões de reais, segundo cálculos do Ministério da Economia divulgados nesta sexta-feira.

(Por Marcela Ayres)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos