Mercado abrirá em 2 h 10 min
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,86
    +0,88 (+1,19%)
     
  • OURO

    1.749,00
    -2,70 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    43.851,46
    +806,33 (+1,87%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.094,19
    -8,87 (-0,80%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.062,63
    +11,15 (+0,16%)
     
  • HANG SENG

    24.208,78
    +16,62 (+0,07%)
     
  • NIKKEI

    30.240,06
    -8,75 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.274,00
    -44,75 (-0,29%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2474
    -0,0082 (-0,13%)
     

Peça gravada no Teatro Poeira aborda violência doméstica

·2 minuto de leitura

RIO — Baseada em histórias reais, estreia quinta-feira uma temporada virtual da primeira montagem brasileira de “Cascavel”, peça inglesa sobre violência doméstica. Escrito em 2015 pela britânica Catrina McHugh, o espetáculo foi originalmente desenvolvido como parte de um programa de treinamento para aumentar a conscientização de policiais da cidade de Durham, na Inglaterra, para esse tipo de crime. Com direção de Sérgio Ferrara, as atrizes Carol Cezar e Fernanda Heras interpretam mulheres que foram vítimas do mesmo agressor, expondo os diferentes tipos de violência. A gravação da peça, que fica em cartaz até o dia 22 de agosto, foi feita no Teatro Poeira, em Botafogo.

—A peça detalha o comportamento de James com Suzy e Jen, as manipulações que levam as personagens a viverem com dúvidas e inseguranças e o desfecho desses relacionamentos. É importante lembrar que a violência que uma mulher sofre não termina quando o agressor é preso ou afastado. Ela, muitas vezes, tem que lidar com as sequelas daquela agressão ainda por um longo período — diz Carol Cezar.

Os espectadores podem ver a montagem de quinta a domingo, em qualquer horário. O espetáculo é gratuito, mas a equipe pede uma contribuição solidária a partir de R$ 10. O link para assistir é https://www.sympla.com.br/produtor/cascavel.

Já no Teatro Glaucio Gill, na Praça Cardeal Arcoverde, em Copacabana, a atração que estará em cartaz neste fim de semana é voltada para a garotada. Com duas apresentações por dia, às 15h e às 18h, além de ingressos a preços populares, o espetáculo infantojuvenil “O brincado romance de Flora e Valentin” é uma fábula musical de histórias e lendas em torno do Rio São Francisco. Em suas andanças aventureiras, os dois jovens protagonistas, Valentin e Flora, encontram personagens míticos e fantasiosos de histórias características do interior do Brasil.

Seguindo os protocolos de segurança impostos pela pandemia ainda em vigor, o número de espectadores no teatro será limitado a 30 pessoas. Ingressos: R$ 5 (inteira) e R$ 2,50 (meia).

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos