Mercado fechado

PayPal compra a Honey por US$ 4 bilhões; negócio deve ser finalizado em 2020

Felipe Ribeiro

O PayPal fechou um acordo para adquirir a Honey, uma plataforma de compras que oferece descontos e recompensas a compradores online, por US$ 4 bilhões, de acordo com um comunicado divulgado quarta-feira. A aquisição ocorre quando a empresa de pagamentos enfrenta uma concorrência crescente de companhias de outros ramos, como a Apple, Google e Facebook, que agora oferecem suas próprias formas de pagamento, além, claro, de ver as gigantes redes de cartão de crédito como Visa e MasterCard expandirem suas ofertas de pagamento online.

A Honey foi fundada em 2012 e está sediada em Los Angeles. Possui 17 milhões de usuários ativos mensais, de acordo com o comunicado. Muitos de seus usuários tendem a ser mais jovens, sobrepondo-se à base de usuários da Venmo, empresa que também faz parte do grupo PayPal.

A aquisição ainda precisa de aprovações regulatórias, mas as empresas esperam que ela seja concretizada no primeiro trimestre de 2020. Uma vez finalizada a fusão, a Honey manterá sua sede em Los Angeles e seus cofundadores continuarão liderando os trabalhos das equipes.

Imagem: Honey/ Divulgação

Como é o serviço da Honey?

A Honey Science Corporation opera como um complemento do navegador da Web e um aplicativo móvel, oferecendo aos consumidores códigos de desconto para aproximadamente 30.000 varejistas online. É concorrente de sites como o RetailMeNot, que coleta códigos promocionais e os agregam para os consumidores. A Honey se diferencia inserindo automaticamente todos os códigos promocionais qualificados para os compradores durante o checkout e usa o código com o maior desconto.

O site de descontos apresenta um assistente de compras móvel, ferramentas e alertas de rastreamento, informações sobre histórico de preços, ofertas especiais e um programa de recompensas.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: