Mercado fechará em 32 mins
  • BOVESPA

    130.064,88
    -143,08 (-0,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.925,26
    -104,28 (-0,20%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,25
    +1,37 (+1,93%)
     
  • OURO

    1.859,50
    -6,40 (-0,34%)
     
  • BTC-USD

    40.065,22
    +517,94 (+1,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    998,50
    -12,11 (-1,20%)
     
  • S&P500

    4.246,71
    -8,44 (-0,20%)
     
  • DOW JONES

    34.298,35
    -95,40 (-0,28%)
     
  • FTSE

    7.172,48
    +25,80 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.638,53
    -203,60 (-0,71%)
     
  • NIKKEI

    29.441,30
    +279,50 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    14.033,00
    -91,75 (-0,65%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1129
    -0,0186 (-0,30%)
     

Patente da Samsung mostra como funcionarão funções de gestos em celulares dobráveis

·2 minuto de leitura
Patente da Samsung mostra como funcionarão funções de gestos em celulares dobráveis
Patente da Samsung mostra como funcionarão funções de gestos em celulares dobráveis

Uma recente patente da Samsung está trazendo um conceito de celular dobrável Galaxy Z Fold com funções de controle por gestos, como deslizar e tocar. Esse recurso viria para substituir os botões, que ficam na lateral dos dispositivos atualmente, como mostra a nossa imagem de destaque.

Essa novidade estaria em linha com o desenvolvimento de aparelhos cada vez mais finos, onde a presença de botões físicos se torna mais difícil. Dobráveis tem esse desafio, já que, se você faz cada uma de suas partes ter a espessura normal de um celular, acaba com um tijolão com o dobro da espessura. Além disso, para operar um botão, a força externa é concentrada apenas na parte da caixa em que essa peça está localizada, o que pode causar danos à dobradiça.

imagem de patente de celular dobrável com funcionamento por gestos
imagem de patente de celular dobrável com funcionamento por gestos

Reprodução/LetsGoDigital

Com os controles de gestos, a Samsung pretende tornar possível em seus celulares dobráveis a realização de funções diversas com um simples toque ou deslize quando o dispositivo for usado dobrado. Como as duas partes do celular estariam colocadas frente a frente, o usuário teria o dobro da superfície à sua disposição para operar os botões virtuais.

Controle de volume ao deslizar e função de ligar/desligar por meio de toque

A princípio, não há detalhes sobre a quantidade de funções que seriam realizáveis por meio de gestos, porém, algumas delas poderiam ser configuradas pelo usuário. De certo modo, há como especular que a função de ligar e desligar seria acionada com o toque em determinada área, enquanto que o controle de volume se daria por meio de um movimento de deslizar o dedo sobre um local específico. Outra funcionalidade poderia ser configurada para o gesto de segurar apertada alguma das respectivas áreas do celular dobrável, o que acionaria um leque de outras funções.

imagens da patente de um celular dobrável com funcionamento por gestos
imagens da patente de um celular dobrável com funcionamento por gestos

Reprodução/LetsGoDigital

A patente não especifica qual exatamente pode ser o telefone a receber esses recursos substituindo botões físicos. Ficamos no aguardo para ver se o Galaxy Z Fold 3, esperado para agosto, será o celular dobrável a receber o funcionamento por gestos (as imagens da patente trazidas pelo site LetsGoDigital são claras, ilustrando um modelo de Galaxy Z Fold). Talvez essa novidade só esteja integrada em um outro modelo posterior, até mesmo em algum tablet futuro da Samsung.

Via SlashGear e LetsGoDigital