Mercado abrirá em 9 h 37 min
  • BOVESPA

    119.710,03
    -3.253,98 (-2,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.748,41
    -906,88 (-1,83%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,54
    -0,54 (-0,82%)
     
  • OURO

    1.818,10
    -4,70 (-0,26%)
     
  • BTC-USD

    50.063,77
    -7.045,24 (-12,34%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.369,93
    -193,90 (-12,40%)
     
  • S&P500

    4.063,04
    -89,06 (-2,14%)
     
  • DOW JONES

    33.587,66
    -681,50 (-1,99%)
     
  • FTSE

    7.004,63
    +56,64 (+0,82%)
     
  • HANG SENG

    28.038,04
    -193,00 (-0,68%)
     
  • NIKKEI

    27.628,73
    -518,78 (-1,84%)
     
  • NASDAQ

    13.066,25
    +67,75 (+0,52%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4093
    +0,0038 (+0,06%)
     

Partido Comunista de Cuba elege cúpula neste domingo

·1 minuto de leitura
Panorama de uma sessão do oitavo Congresso do Partido Comunista de Cuba, no Palácio das Convenções, em 17 de abril de 2021

O Partido Comunista de Cuba (PCC, único) informou que elege, neste domingo (18), seu Comitê Central, seu órgão diretor.

Os resultados da votação serão divulgados amanhã, no encerramento de um histórico congresso que marca a saída de Raúl Castro.

Os delegados "vão conhecer e debater a candidatura para membros do Comitê Central para, posteriormente, proceder ao exercício de votação, cujos resultados serão conhecidos na segunda-feira", diz o partido em sua página na Internet.

Depois da eleição, o Comitê Central fará sua primeira plenária, a qual elegerá a direção do PCC para o período 2021-2026.

Eleito mediante voto direto e secreto pelos 300 delegados de todo país que participam do encontro, representando 700.000 militantes, o Comitê Central, de 114 membros, é encarregado de designar o Bureau Político, de 17 integrantes. Esta é a cúpula do partido.

Depois disso, o Bureau Político vai selecionar o primeiro e o segundo-secretário da organização, cargos que hoje são de Raúl Castro, de 89 anos, e José Ramón Machado Ventura, de 90.

A saída de Raúl marca também a aposentadoria de outros membros da "velha guarda" do Partido, como são conhecidos na ilha os combatentes que fizeram a Revolução de 1959, incluindo o "comandante da Revolução" Ramiro Valdés, de 88.

rd/lp/gma/tt