Parlamento alemão aprova orçamento de 2013 com redução do endividamento

Berlim, 9 nov (EFE).- A comissão orçamentária do Bundestag, o Parlamento federal alemão, aprovou nesta sexta-feira o orçamento do país para 2013, que contempla um novo endividamento de 17,1 bilhões de euros, 1,7 bilhão abaixo do calculado na minuta do titular das Finanças, Wolfgang Schäuble.

Após 13 horas de debates, a aprovação aconteceu com os votos dos partidos da coalizão governamental, formada por democratas-cristãos (CDU), social-cristãos bávaros (CSU) e liberais (FDP).

A oposição, integrada por social-democratas (SPD), verdes e a esquerda, acusou as formações do Governo de praticar uma "cosmética orçamentária" para melhorar sua imagem com vistas ao recém-iniciado ano eleitoral.

O orçamento da Alemanha para 2013 contempla uma despesa total de 302 bilhões de euros, dos quais 34,8 bilhões serão destinados a investimentos.

Além disso, está prevista uma receita fiscal de 260,6 bilhões de euros, assim como outros 24,29 bilhões como fruto de privatizações. EFE

jcb/pa

Carregando...