Mercado fechado
  • BOVESPA

    120.348,80
    -3.131,73 (-2,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.892,28
    -178,63 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,04
    -1,53 (-2,86%)
     
  • OURO

    1.827,70
    -23,70 (-1,28%)
     
  • BTC-USD

    37.022,22
    +3,94 (+0,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    701,93
    -33,21 (-4,52%)
     
  • S&P500

    3.768,25
    -27,29 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    30.814,26
    -177,26 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.735,71
    -66,25 (-0,97%)
     
  • HANG SENG

    28.573,86
    +77,00 (+0,27%)
     
  • NIKKEI

    28.519,18
    -179,08 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    12.759,00
    -142,00 (-1,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3926
    +0,0791 (+1,25%)
     

Parlamentares bipartidários dos EUA buscam aprovação rápida de US$908 bi em alívio por Covid-19

Por Richard Cowan e Doina Chiacu
·1 minuto de leitura

Por Richard Cowan e Doina Chiacu

WASHINGTON (Reuters) - Um grupo bipartidário de parlamentares dos Estados Unidos divulgou nesta terça-feira um projeto de lei de alívio em resposta à Covid-19 de 908 bilhões de dólares, que visa quebrar um impasse de meses entre democratas e republicanos sobre uma nova assistência emergencial para pequenas empresas, desempregados e indústrias, incluindo companhias aéreas, durante a pandemia.

A medida ainda não foi incorporada à legislação. Nem foi apoiada ainda pelo governo Trump, pelo presidente eleito Joe Biden ou por líderes no Senado ou na Câmara, todos os quais seriam necessários para a aprovação.

Mas o pacote vem com o apoio de um grupo de conservadores e moderados, alegando que vai atrair uma ampla faixa do Congresso.

Os parlamentares esperam concluir seu trabalho para este ano em meados de dezembro, mas ainda têm um enorme projeto de financiamento do governo para aprovar. Caso contrário, arriscam o fechamento de agências governamentais a partir de 12 de dezembro.

Se o projeto bipartidário de ajuda em resposta ao coronavírus ganhar força nos próximos dias, ele pode ser anexado ao orçamento ou avançar por um caminho separado.