Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.417,33
    -2.453,23 (-6,48%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Parceria entre Huawei e Changan para carros inteligentes incluirá chips, dizem fontes

·1 minuto de leitura
Huawei

Por Yilei Sun e Julie Zhu

PEQUIM/HONG KONG (Reuters) - A chinesa Huawei Technologies está expandindo sua parceria de carros inteligentes com a estatal Chongqing Changan Automobile para incluir o projeto e desenvolvimento de semicondutores de uso automotivo, afirmaram quatro fontes com conhecimento do assunto.

As duas empresas, que revelaram sua união de carros inteligentes em novembro, têm trabalhado juntas informalmente em chips nos últimos meses, disseram duas fontes. Uma terceira fonte disse que em breve elas poderão formar uma joint venture para o desenvolvimento de chips.

Além do acordo com a Changan para desenvolver carros inteligentes sob uma marca conjunta ainda sem nome, a Huawei também está planejando veículos elétricos (EVs) com sua própria marca e está em negociações para assumir o controle de uma unidade EV de uma pequena montadora doméstica, disseram fontes.

A nova parceria de chip da Huawei com a Changan aconteceria em meio a uma escassez global de semicondutores que atingiu as montadoras de forma particularmente forte.

Também representaria uma expansão significativa para o negócio de chips da Huawei depois que as sanções dos EUA fazerem ela perder acesso ao software de design de chip subjacente necessário para chips mais avançados usados em smartphones.

Changan não respondeu a um pedido de comentário. A Huawei disse que transfere às montadoras em anúncios públicos sobre suas parcerias. O fabricante de bateria CATL, que também faz parte da parceria de carros inteligentes, também não respondeu a um pedido de comentário.

(Com reportagem adicional de David Kirton em Shenzhen)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos