Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,83 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,39 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,98
    +1,48 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.793,10
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    61.110,48
    -136,52 (-0,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,69 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,94 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.324,00
    -154,75 (-1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    -0,0002 (-0,00%)
     

Para Hildebrand, da BlackRock, dinheiro supera ouro e bitcoin

·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- Para o vice-presidente do conselho da BlackRock, Philipp Hildebrand, o ouro e o bitcoin simplesmente não podem superar o tradicional dinheiro quando se trata de investimentos.

Most Read from Bloomberg

Quando perguntado em um painel virtual da London Bullion Market Association se preferia receber US$ 10 mil em dinheiro, ouro ou bitcoin, o ex-presidente do banco central da Suíça escolheu dólares, mas não explicou o motivo.

As cotações do ouro acumulam queda de cerca de 15% em relação ao recorde do ano passado devido à perspectiva de uma política monetária mais apertada. Na semana passada, Russ Koesterich, gestor de fundos da BlackRock, disse à Bloomberg TV que vendeu quase todas suas posições em ouro na expectativa de que os juros reais sejam normalizados com a recuperação da economia global.

Grande parte do cenário para o ouro depende do comportamento dos preços ao consumidor e do prazo do Federal Reserve para reduzir o estímulo. A inflação pode se estabilizar em torno de 3% ou um pouco acima desse nível por “algum tempo” depois que a aceleração atual causada pelos gargalos nas cadeias de suprimentos perder força, disse Hildebrand ao painel, citando a disposição de bancos centrais de tolerar a inflação acima da meta.

“Não teremos 5%, 6%, 7% de inflação, mas estou convencido de que a inflação tende a subir”, afirmou. “Estamos em um regime de inflação mais alto do que na última década.”

A campanha mundial para combater a mudança climática contribuirá para a aceleração dos preços devido aos custos da produção verde, acrescentou. Ainda assim, ele não espera que o Fed aumente os juros antes de 2023, no mínimo, sendo que o Banco Central Europeu apertaria a política monetária depois desse prazo.

O bitcoin é negociado aproximadamente em US$ 43.470, cerca de 25 vezes a cotação de uma onça de ouro.

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos