Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.093,88 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,94 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    33.835,50
    +1.358,01 (+4,18%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,20 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

Para a Audi, carros elétricos começarão a dar lucro a partir de 2024

·1 minuto de leitura

A Audi é uma das montadoras mais engajadas quando o assunto é eletrificação. A gigante alemã já trabalha com alguns modelos bem interessantes de carros elétricos e já prometeu mais lançamentos para um futuro próximo. Com metas promissoras, a alta cúpula da marca já estima que até 2024 sua linha de automóveis zero emissão começará a gerar lucro.

O CEO da Audi, Markus Duesmann, acredita que nos próximos três anos é possível que os carros elétricos comecem a dar lucros semelhantes aos modelos a combustão. Essa estimativa se deve ao fato de que a marca planeja aumentar seu portfólio zero emissão, bem como o número de vendas e fabricação desses veículos. Os modelos mais populares da montadora, como o Audi A3 e o A4, devem ter versões elétricas lançadas em breve.

Atualmente, a Audi se concentra em carros considerados mais avançados dentro de sua gama. São modelos baseados em suas variantes a combustão, mas que utilizam propulsores elétricos, como o Audi e-Tron, o e-Tron GT e o e-Tron S Sportback, todos vendidos atualmente no mercado brasileiro. Com esse compartilhamento de plataformas, os gastos são menores do que em modelos projetados desde o princípio para serem elétricos, como o iD.3 da Volkswagen, dona da Audi.

O Audi e-tron foi o carro elétrico mais vendido do Brasil em 2020 (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)
O Audi e-tron foi o carro elétrico mais vendido do Brasil em 2020 (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

A Audi, vale lembrar, já avisou que irá abolir o desenvolvimento de carros a combustão em 2026, interrompendo a venda em definitivo em 2033. Em 2030, a marca estima alcançar a marca de 3 milhões de carros elétricos fabricados por ano.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos