Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.523,47
    -1.617,17 (-1,47%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.049,05
    +174,14 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,23
    -2,65 (-3,49%)
     
  • OURO

    1.877,70
    -53,10 (-2,75%)
     
  • BTC-USD

    23.120,06
    -296,19 (-1,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    535,42
    -1,43 (-0,27%)
     
  • S&P500

    4.136,48
    -43,28 (-1,04%)
     
  • DOW JONES

    33.926,01
    -127,93 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.901,80
    +81,64 (+1,04%)
     
  • HANG SENG

    21.660,47
    -297,89 (-1,36%)
     
  • NIKKEI

    27.509,46
    +107,41 (+0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.616,50
    -230,25 (-1,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5385
    +0,0488 (+0,89%)
     

Apple Music e Apple TV vão ganhar apps na Microsoft Store em breve

Em preparação para o lançamento, versões prévias dos apps Apple Music e Apple TV apareceram na Microsoft Store do Windows 11. O site The Verifier descobriu que os aplicativos de streaming da Apple foram disponibilizados na loja da MS junto do programa Apple Devices, destinado ao gerenciamento de dispositivos da fabricante.

Apesar de estarem listados na loja, usuários ainda não podem baixar os aplicativos. Porém, a aparição sugere que o lançamento das prévias é iminente e que em breve testadores poderão experimentá-los.

Apesar de estarem disponíveis na loja, ainda não dá para baixar os apps da Apple na Microsoft Store (Imagem: Reprodução/The Verifier)
Apesar de estarem disponíveis na loja, ainda não dá para baixar os apps da Apple na Microsoft Store (Imagem: Reprodução/The Verifier)

De acordo com a descrição das prévias, “nem todos os recursos devem funcionar como esperado” e o usuário terá de abrir mão de determinadas funções até que atualizações sejam lançadas no futuro. A companhia alerta que ao baixar algum dos aplicativos, o iTunes para Windows deixará de funcionar, e todos os formatos de conteúdo ainda não suportados pelos novos programas não poderão ser consumidos até correções serem liberadas.

Windows 11 é obrigatório

Para instalar os programas da Apple, o usuário precisa ter o Windows 11 instalado na versão 22621.0, já amplamente disponível para o público geral. Vale notar que os novos programas de streaming da companhia podem não ser compatíveis com o Windows 10, deixando boa parte dos usuários mais receosos para trás.

A revelação de que as plataformas de streaming da Apple teriam aplicativos próprios aconteceu em outubro do ano passado. Além dessa novidade, a companhia também introduziu uma integração do iCloud com o app Fotos nativo do Windows — que apresentou problemas sérios de privacidade assim que lançado.

Não se sabe exatamente quando o Apple Music e o Apple TV serão lançados de forma definitiva para o público geral, mas o processo deve demorar alguns meses. Fato é que o programa é uma alternativa importante para a comunidade que aproveita os serviços de streaming da Maçã, já que a experiência com as versões web da plataforma não é lá tão agradável.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: