Mercado fechará em 2 h 20 min

Palmeiras anuncia contratação do técnico português Abel Ferreira

·3 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Palmeiras anunciou a contratação do treinador Abel Ferreira para a vaga de Vanderlei Luxemburgo, demitido há duas semanas. O português de 41 anos comandou o PAOK pela última vez nesta quinta-feira (29), em jogo válido pela Liga Europa, e se despediu do clube grego. Para tirar o profissional da Europa, além de chegar a um acordo com ele, a diretoria alviverde precisou negociar com o PAOK. O contrato do técnico com o time tinha término previsto para 2022, com multa rescisória de 2,5 milhões de euros (R$ 16,8 milhões). O valor combinado pela liberação não foi divulgado pelas agremiações, mas é bem inferior à multa integral. Concluída a negociação, o Palmeiras aguarda a chegada de seu novo comandante na próxima semana para a assinatura de um compromisso até o fim de 2022. O desfecho encerra uma busca que sempre foi centrada em nomes estrangeiros. O clube teve tratativas adiantadas com o espanhol Miguel Ángel Ramírez, mas ele avisou que só deixaria o Independiente del Valle, do Equador, ao fim da campanha na Copa Libertadores. Como não estavam dispostos a esperar, os dirigentes da equipe paulista passaram a estudar outras possibilidades, como os argentinos Gabriel Heinze e Ariel Holan e o espanhol Quique Setién. No fim, acabaram se satisfazendo com a aposta em Ferreira. A expectativa dos cartolas é que o português consiga implantar no Brasil um futebol agressivo, de imposição sobre os adversários. Ao demitir Luxemburgo, o presidente Maurício Galiotte falou que estava buscando "um conceito", apontando o DNA ofensivo do clube alviverde. Lateral direito de equipes portuguesas em uma carreira relativamente discreta como jogador, Abel Ferreira começou a trabalhar como treinador na base do Sporting. Depois, ganhou uma chance no time principal do Braga e construiu uma boa campanha no Campeonato Português 2017/18. Naquela temporada, conquistou 75 pontos, um recorde para a equipe, e ficou com a quarta colocação, atrás dos grandes Porto, Benfica e Sporting. Foram 74 gols em 34 jogos, além da revelação do atacante Francisco Trincão, hoje no Barcelona e na seleção portuguesa. A disposição a escalar jovens foi um dos motivos que chamaram a atenção do Palmeiras, que conta com vários garotos em seu elenco. A ideia é que o comandante ajude no desenvolvimento de atletas como Gabriel Menino, Patrick de Paula, Wesley e Gabriel Veron, além de promover outros meninos. Discípulo de Jesualdo Ferreira, português que comandou o Santos neste ano, Abel chegou ao PAOK no início da temporada 2019/20 e levou a equipe ao vice-campeonato grego. Mais recentemente, chamou a atenção ao eliminar o Benfica, de Jorge Jesus, na fase preliminar da atual edição da Champions League. O PAOK não conseguiu, porém, avançar até a fase de grupos e teve de se contentar com a Liga Europa. Após uma estreia com empate por 1 a 1 com o Omonia, do Chipre, ficou no 0 a 0 com o Granada, da Espanha, no que foi a despedida do treinador. Ele deu adeus com um total 31 vitórias em 57 partidas. No Braga, foram 63 triunfos em 103 partidas. No Palmeiras, além de bons números, Ferreira será cobrado por um bom futebol, algo que a equipe não conseguiu produzir em boa parte do ano. Além dele, também chegam os auxiliares Carlos Martinho e Vitor Castanheira, o analista de desempenho Tiago Costa e o responsável pela preparação física João Martins.