Mercado abrirá em 10 mins

PagSeguro tem lucro dentro do esperado no 3º tri

Por Andre Romani

SÃO PAULO (Reuters) - A PagSeguro teve lucro líquido dentro do esperado pelo mercado e pela própria empresa no terceiro trimestre, diante da manutenção de tendências de crescimento de receita, enquanto também divulgou estimativas para o ano completo.

A empresa de meios de pagamentos teve lucro líquido recorrente de 411 milhões de reais entre julho e setembro. Analistas esperavam, em média, lucro de 409 milhões, segundo pesquisa da Refinitiv, enquanto a própria companhia havia divulgado previsão de lucro entre 400 milhões e 410 milhões de reais.

Considerando fatores não recorrentes, como bonificações de executivos e desinvestimento realizado um ano antes, o lucro foi de 380 milhões de reais, avanço de 18% em relação a igual período de 2021.

"Sem dúvida, é um trimestre dentro do esperado, mas em ambiente macroeconômico bastante complexo", disse à Reuters, Artur Schunck, diretor financeiro da companhia, citando inflação e taxa de juros, a qual ele vê com "tendência de queda, mas agora nem tanto".

"O resultado nos deixa muito satisfeitos quando comparamos com o ano anterior e com o mercado", afirmou.

O PagSeguro, listado em Nova York, tem duas vertentes principais, operando como empresa de meios de pagamentos através da marca PagSeguro e como banco digital por meio do PagBank.

A receita líquida total da companhia foi de 4,035 bilhões de reais, avanço de 45% sobre a mesma etapa de 2021. O número veio em linha com a projeção da companhia de entre 4 bilhões e 4,1 bilhões de reais.

O crescimento de receita foi ajudado pela alta de 35% ante um ano antes no volume total processado (TPV) pela marca PagSeguro, para 90,3 bilhões de reais. A empresa espera TPV entre 91 bilhões e 92 bilhões de reais.

Na operação de banco digital, o PagBank mostrou crescimento de 31% na receita líquida frente a um ano antes, para 339 milhões de reais. A carteira de crédito subiu 71%, para 2,7 bilhões de reais, ainda que o banco siga limitando a concessão diante do cenário macro. Os depósitos em setembro alcançaram patamar 171% superior em comparação ao mesmo período de 2021.

EXPECTATIVA DE LUCRO RECORDE

A PagSeguro ainda divulgou expectativa para 2022 de lucro recorrente de 1,57 bilhão a 1,6 bilhão de reais, avanço de 10% a 12% em comparação a 2021, e de lucro contábil de 1,45 bilhão a 1,48 bilhão de reais, alta de 24% a 27%. Ambos serão recordes para a empresa caso sejam atingidos.

A PagSeguro vem elevando seu lucro diante do crescimento do PagBank, que se define como o segundo maior banco digital do país, com 26 milhões de clientes, e após aumento de taxas cobradas no negócio de meio de pagamentos diante da alta de juros, bem como corte de despesas, em áreas como pessoal e marketing.

As despesas operacionais, o que inclui marketing, pessoal, publicidade e outros, cresceram 11% no terceiro trimestre na base anual e ficaram em 15% como percentual da receita líquida, contra 20% um ano antes -- essa relação ficou estável frente ao segundo trimestre.

As despesas financeiras somaram 921 milhões de reais, mais do que quintuplicando frente a um ano antes, e a receita financeira disparou 81%, a 1,7 bilhão de reais.

Para o quarto trimestre, o presidente-executivo da PagSeguro, Alexandre Magnani, disse que o crescimento percentual da empresa deve perder ritmo diante de base de comparação mais forte em 2021, pois foi quando houve forte abertura da economia após o auge da pandemia de Covid-19. Além disso, ele citou desaceleração no mercado de crédito para consumo.