Mercado fechará em 5 h 11 min
  • BOVESPA

    110.865,26
    +629,50 (+0,57%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.088,28
    +280,07 (+0,59%)
     
  • PETROLEO CRU

    92,32
    +0,39 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.808,50
    -5,20 (-0,29%)
     
  • BTC-USD

    24.502,56
    +517,46 (+2,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    577,74
    +3,00 (+0,52%)
     
  • S&P500

    4.242,05
    +31,81 (+0,76%)
     
  • DOW JONES

    33.574,19
    +264,68 (+0,79%)
     
  • FTSE

    7.474,93
    -32,18 (-0,43%)
     
  • HANG SENG

    20.082,43
    +471,59 (+2,40%)
     
  • NIKKEI

    27.819,33
    -180,63 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    13.531,00
    +139,00 (+1,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2953
    +0,0489 (+0,93%)
     

Pagamento à vista do IPVA começa a vencer nesta segunda

·4 min de leitura
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 15/11/2019, BRASIL - Apos sete horas bloqueada por conta da queda de uma passarela, as faixas de rolamento sentido Rodovia Castello Branco da Marginal Tiete foi liberada ao transito. (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 15/11/2019, BRASIL - Apos sete horas bloqueada por conta da queda de uma passarela, as faixas de rolamento sentido Rodovia Castello Branco da Marginal Tiete foi liberada ao transito. (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) à vista com desconto de 9% começa a vencer nesta segunda (10) em São Paulo. O prazo termina para os proprietários de carros e motos com placa terminada em 1.

O calendário de vencimentos definido pela Fazenda estadual segue até o dia 21 de janeiro e considera sempre o último número da placa do veículo. Quem não fizer o pagamento do tributo do carro neste mês ainda poderá quitar o imposto sem cobrança de multa em fevereiro. Haverá desconto sobre o valor devido, mas ele será menor, de 5%. O abatimento também valerá para quem optar por dividir o débito -em 2022, o parcelamento será em cinco vezes.

O dono de veículo em São Paulo também já pode antecipar o pagamento do licenciamento obrigatório, que só começa a vencer em julho. Após pagar o IPVA à vista e o licenciamento na rede bancária credenciada, é possível emitir o documento do carro digital, que deixou de ser entregue em papel.

Na avaliação do educador financeiro André Medeiros, o motorista com veículo registrado em São Paulo deve considerar apenas duas possibilidades entre as três disponibilizadas pelo governo do estado, que são o pagamento com desconto de 9% em janeiro e o parcelamento.

"Se não tenho um benefício a mais para pagar à vista [em fevereiro], tiraria do meu planejamento essa opção e iria direto para o parcelamento, que também tem os 5% de desconto", diz.

A sistemática de incentivo ao pagamento em dia apresentada pelo governo em 2022 difere do que costuma ser adotado justamente por manter a concessão do desconto também para quem adotar o parcelamento.

Para Medeiros, o pagamento à vista a partir desta segunda é vantajoso, mas apenas para o contribuinte que é também investidor. Ou seja, mantém uma reserva fixa para despesas inesperadas e tem o dinheiro do IPVA em seu planejamento de gastos.

Esse tipo de contribuinte também terá seu orçamento de início de ano menos pressionado pelo aumento no valor final do IPVA. A alíquota do imposto não mudou e ainda é de 4% para os veículos movidos a gasolina e biocombustíveis, mas a valorização dos carros usados fez o valor a ser pago subir, em média, 22,54%.

"Considerando as cinco parcelas possíveis, você dificilmente encontra no mercado uma aplicação que pague mais de 2% ao mês. Em uma conta simples, o desconto de 9% torna o pagamento à vista muito vantajoso", afirma o educador financeiro.

O especialista ressalta, porém, que essa vantagem só existe para quem realmente tem o dinheiro de urgências reservado. Para quem está endividado ou mantém um orçamento apertado, hipóteses como empréstimos devem ser descartadas.

"Quem está endividado, independentemente do nível, não deve arrumar outra dívida. Se a pessoa está com as contas em dia, mas não tem sobra, vai acabar assumindo uma dívida que pode causar problemas lá na frente."

Os motoristas nessas situações devem considerar então o parcelamento, diz o especialista. Para ele, o desconto de 5% à vista, previsto para o pagamento a partir de 10 de fevereiro, é inócuo na perspectiva do devedor. "Se você não tem dinheiro para pagar à vista agora, com desconto maior, dificilmente terá em fevereiro."

A falta de pagamento do IPVA sujeita o dono do carro à multa de 0,33% por dia de atraso mais juros calculados pela Selic (a taxa básica de juros, hoje em 9,25% ao ano). Depois de 60 dias de atraso, a multa passa a ser de 20% do valor devido.

A consulta ao valor do imposto e o pagamento podem ser feitos nos diversos canais da rede bancária, como aplicativos, terminais de autoatendimento e no internet banking. Banco do Brasil, Bradesco e Santander não recebem mais o pagamento do IPVA nos caixas.

No site da Secretaria de Fazenda de São Paulo há uma página dedicada à consulta; clique neste link. Para consultar, o dono do carro precisará informar a placa e o número do Renavam, que consta no documento do veículo, o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo).

O sistema mostrará o valor total do imposto a ser pago à vista em janeiro, à vista em fevereiro, além do valor de cada uma das parcelas, para quem optar por quitar o imposto em cinco vezes. Se o contribuinte usou créditos da Nota Fiscal Paulista, também aparecerá o valor abatido.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos