Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.113,93
    +413,26 (+0,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.726,98
    +212,88 (+0,44%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,07
    -0,39 (-0,61%)
     
  • OURO

    1.777,30
    +10,50 (+0,59%)
     
  • BTC-USD

    60.836,00
    -264,68 (-0,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,97
    +7,26 (+0,52%)
     
  • S&P500

    4.185,47
    +15,05 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    34.200,67
    +164,68 (+0,48%)
     
  • FTSE

    7.019,53
    +36,03 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    28.969,71
    +176,57 (+0,61%)
     
  • NIKKEI

    29.683,37
    +40,68 (+0,14%)
     
  • NASDAQ

    14.024,00
    +10,00 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6872
    -0,0339 (-0,50%)
     

Padrasto acusado de estuprar enteada de 11 anos é preso em Petrópolis

Extra
·1 minuto de leitura

Foi preso neste domingo , dia 28, um homem acusado de estuprar a enteada de 11 anos desde que a criança tinha 9. Ele foi localizado em Petrópolis, na Região Serrana, por policiais da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV), numa nova etapa da Operação Proteção à Infância após ações de inteligência e monitoramento.

De acordo com os agentes, os abusos aconteceram dentro de casa, enquanto a mãe da menina dormia. Para a vítima não relatar os crimes, o autor teria feito ameaças de morte à ela e a parentes.

Ainda segundo os policiais, o crime foi descoberto quando a menina foi morar com seu pai biológico, em Cabo Frio, na Região dos Lagos, após ser questionada sobre o seu modo reservado de agir. A menina então relatou o que sofreu nos dois últimos anos. Diante disso, o pai registrou ocorrência na polícia.

Em nota, a corporação informou que a Operação Proteção à Infância foi desencadeada pela DCAV em dezembro de 2020 e já prendeu nove autores de abusos contra crianças e adolescentes.