Mercado fechará em 4 h 23 min
  • BOVESPA

    112.725,88
    -38,38 (-0,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.708,96
    -144,41 (-0,30%)
     
  • PETROLEO CRU

    88,38
    -3,71 (-4,03%)
     
  • OURO

    1.794,80
    -20,70 (-1,14%)
     
  • BTC-USD

    24.153,96
    -351,16 (-1,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    573,79
    -16,97 (-2,87%)
     
  • S&P500

    4.274,72
    -5,43 (-0,13%)
     
  • DOW JONES

    33.745,73
    -15,32 (-0,05%)
     
  • FTSE

    7.505,22
    +4,33 (+0,06%)
     
  • HANG SENG

    20.040,86
    -134,76 (-0,67%)
     
  • NIKKEI

    28.871,78
    +324,80 (+1,14%)
     
  • NASDAQ

    13.589,75
    +12,00 (+0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1866
    -0,0169 (-0,32%)
     

Paciente com variante Ômicron pode ter infectado 22 em festa em SP

·2 min de leitura

Sem saber do seu diagnóstico, um paciente contaminado pela variante Ômicron (B.1.1.529) do coronavírus SARS-CoV-2 esteve em uma festa na cidade de São Paulo e pode ter causado um evento de superespalhamento. Até o momento, a prefeitura da capital identificou 22 pessoas diagnosticadas com covid-19. Os testes para descobrir qual é a cepa da infecção ainda estão em andamento.

No total, a prefeitura monitora 90 pessoas que estivaram no mesmo evento que o paciente contaminado pela Ômicron. Além disso, o paciente teve contato próximo com outras nove pessoas, e sete delas foram infectadas pela nova variante.

Em festa, paciente contaminado pela variante Ômicron pode ter transmitido o vírus para outras 22 pessoas (Imagem: Reprodução/Twenty20photos/Envato)
Em festa, paciente contaminado pela variante Ômicron pode ter transmitido o vírus para outras 22 pessoas (Imagem: Reprodução/Twenty20photos/Envato)

Prefeitura de SP monitora caso da Ômicron em festa

"Das 90 pessoas [presentas na festa] que nós estamos acompanhando, 22 testaram positivo para a covid-19. Elas passam bem, não estão sintomáticos. O sequenciamento genômico desses 22 casos está em curso, neste momento, para que a gente possa apresentar o resultado", contou o secretário municipal da Saúde de São Paulo, Edson Aparecido, em entrevista à TV Globo na quinta-feira (16).

O sequenciamento genômico das amostras desses 22 pacientes é feito pelo Hospital Albert Einstein e o resultado deve ser divulgado nos próximos dias. É possível que a infecção tenha ocorrido em outros locais frequentados pelos indivíduos, já que ainda não é possível confirmar a relação.

"Nós fizemos um primeiro monitoramento de [outras] nove pessoas que tiveram contato com aquela pessoa. Dessas nove, sete tiveram sequenciamento positivo para a variante Ômicron", detalhou Aparecido sobre os resultados que já foram confirmados.

Segundo o secretário, o caso acende um sinal de alerta para as festas de fim de ano. "A pandemia não passou. Ainda há a necessidade do uso das máscara e evitar as aglomerações. É importante também participar de eventos familiares onde todas as pessoas estejam vacinadas e apresentem o passaporte da vacina", completou.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos