Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.371,48
    -690,52 (-0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.092,31
    +224,69 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,85
    +0,42 (+0,68%)
     
  • OURO

    1.784,60
    +2,60 (+0,15%)
     
  • BTC-USD

    51.821,49
    -2.079,66 (-3,86%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.194,54
    -48,51 (-3,90%)
     
  • S&P500

    4.134,98
    -38,44 (-0,92%)
     
  • DOW JONES

    33.815,90
    -321,41 (-0,94%)
     
  • FTSE

    6.938,24
    +42,95 (+0,62%)
     
  • HANG SENG

    28.755,34
    +133,42 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.188,17
    +679,62 (+2,38%)
     
  • NASDAQ

    13.765,00
    +14,75 (+0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5430
    +0,0014 (+0,02%)
     

Pablo ressurge com Crespo e se firma como titular no ataque do São Paulo

Gabriel Santos
·1 minuto de leitura


Se tem um jogador que deu a volta por cima após a chegada do técnico Hernán Crespo no São Paulo, foi o atacante Pablo. Bastante criticado na última temporada, onde amargou a reserva durante boa parte do tempo, o camisa nove vem mostrando um bom futebol com a nova temporada.

ATUAÇÕES: Daniel Alves se destaca em goleada do São Paulo contra o Santos

A boa fase vem sendo traduzida nos números. Em três jogos sob o comando de Crespo, Pablo marcou dois gols e deu duas assistências. Além disso, ainda com Vizolli no comando, ele marcou o gol da vitória sobre o Flamengo, que garantiu o São Paulo na fase de grupos da Libertadores.

CONFIRA A TABELA ATUALIZADA DO CAMPEONATO PAULISTA DE 2021

Além do gol diante do Rubro-Negro, Pablo deu assistência para Arboleda marcar no empate por 1 a 1 contra o Botafogo-SP, além de marcar contra a Inter de Limeira e anotar um golaço de cobertura no San-São, além de uma assistência no clássico.

Contratado após boa passagem pelo Athletico-PR, o jogador teve dificuldades para se firmar entre os titulares e anotou apenas 19 gols em 83 partidas somando as duas temporadas, além de ser bastante criticado pelos torcedores, que pediram até a saída dele da equipe.

A tendência é que o camisa nove receba cada vez mais chances na equipe titular. Além da boa fase, a posição de centroavante é carente no elenco são-paulino, ainda mais com as saídas de Brenner, ainda na temporada passada e as despedidas do uruguaio Gonzalo Carneiro e do colombiano Tréllez.