País suspende importação de uva do Chile e Argentina

O Ministério da Agricultura suspendeu as importações de uva da Argentina e do Chile por causa de uma praga quarentenária, inexistente no território nacional, denominada ácaro Brevipalpus chilensis. O secretário de Defesa Agropecuária, Ênio Marques, negou que a medida seja uma represália à demora dos argentinos de atender ao pedido de retirada das restrições às importações de carne brasileira.

Ele disse que a certificação das cargas estava com problemas e que por isso o Brasil adotou o princípio da precaução e suspendeu as importações dos dois países.

Os dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) mostram que as importações de uva argentina no primeiro trimestre deste ano caíram 8,9%, para 13,9 mil toneladas e a receita recuou 20%, para US$ 8,4 milhões na comparação com igual período do ano passado. Em igual base de comparação, a entrada de uvas chilenas no Brasil cresceu 45,5% em volume e atingiu 11,3 mil toneladas nos primeiros três meses deste ano. A receita cresceu 36,1% e somou US$ 6,95 milhões.

Segundo rumores que circularam nesta quarta-feira no mercado, a partir deste mês o Brasil também restringiria, por questões sanitárias, as importações de maçã e pera, que são muito mais expressivas em volume e em valor. A receita argentina com as exportações das duas frutas para o mercado brasileiro no primeiro trimestre somou US$ 47 milhões.

O secretário Ênio Marques descartou a adoção de qualquer tipo de medida para gerar restrição ou embaraço às importações de pera e maçã argentinas. Ele levantou a hipótese de que os rumores possam ter surgido a partir da interpretação equivocada sobre os estudos que estão sendo realizados pela Defesa Agropecuária para aprimorar os processos de importação de frutas e legumes, que atualmente têm entrada livre no País.

Ele diz que uma das providências que está em estudo será a adoção de um sistema de alerta para pragas quarentenárias, como o ácaro Brevipalpus chilensis, pois nem existem agrotóxicos registrados no Brasil para controle de uma possível infestação nos pomares.

cotações recentes

 
Cotações recentes
Símbolo Preço Variação % Var 
Seus tickers vistos mais recentemente aparecerão aqui automaticamente se você digitou um ticker no campo "Inserir símbolo/empresa" na parte inferior deste módulo.
É necessário permitir os cookies do seu navegador para ver as cotações mais recentes.
 
Entre para ver as cotações nos seus portfólios.

Resumo do Mercado

  • Moedas
    Moedas
    NomePreçoVariação% Variação
    3,1035+0,0146+0,47%
    USDBRL=X
    3,2947-0,0014-0,04%
    EURBRL=X
    0,9417+0,0047+0,50%
    USDEUR=X
  • Commodities
    Commodities
    NomePreçoVariação% Variação

Destaques do Mercado

  • Líderes em Volume
    Líderes em Volume
    NomePreçoVariação% Variação
    15,61-0,25-1,58%
    PETR4.SA
    10,16+0,16+1,60%
    ITSA4.SA
    16,76+0,46+2,82%
    LAME4.SA
    32,25+0,40+1,26%
    VALE5.SA
    9,15+0,35+3,98%
    RUMO3.SA
  • Altas %
    Altas %
    NomePreçoVariação% Variação
    3,30+0,52+18,71%
    TXRX4.SA
    3,75+0,49+15,03%
    TPIS3.SA
    4,49+0,52+13,10%
    INEP4.SA
    4,42+0,47+11,90%
    LFFE3.SA
    2,30+0,24+11,65%
    STBP3.SA
  • Baixas %
    Baixas %
    NomePreçoVariação% Variação
    0,35-0,24-40,68%
    PFRM1.SA
    0,55-0,30-35,29%
    SULT3.SA
    5,20-1,05-16,80%
    TOYB3.SA
    2,06-0,32-13,45%
    MYPK11.SA
    3,80-0,58-13,24%
    LFFE4.SA