Mercado fechado
  • BOVESPA

    116.375,25
    -1.185,58 (-1,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.728,87
    -597,81 (-1,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    93,20
    +4,75 (+5,37%)
     
  • OURO

    1.701,80
    -19,00 (-1,10%)
     
  • BTC-USD

    19.547,59
    -486,36 (-2,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    445,50
    -9,53 (-2,09%)
     
  • S&P500

    3.639,66
    -104,86 (-2,80%)
     
  • DOW JONES

    29.296,79
    -630,15 (-2,11%)
     
  • FTSE

    6.991,09
    -6,18 (-0,09%)
     
  • HANG SENG

    17.740,05
    -272,10 (-1,51%)
     
  • NIKKEI

    27.116,11
    -195,19 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    11.096,25
    -445,50 (-3,86%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0768
    -0,0367 (-0,72%)
     

S&P 500 sobre após 4 quedas com relatório de emprego em foco

Operador trabalha na Bolsa de Valores de Nova York

Por Chuck Mikolajczak

NOVA YORK (Reuters) - Um rali perto do fim da sessão ajudou o índice referencial S&P 500 a fechar em alta nesta quinta-feira e interromper uma sequência de quatro sessões em queda, com investidores focados em um importante relatório sobre o mercado de trabalho norte-americano que será divulgado na sexta-feira.

As ações permaneceram em firme baixa durante a maior parte do pregão, depois de dados mostrarem que os pedidos semanais de seguro-desemprego caíram mais do que o esperado, para uma mínima em dois meses, na semana passada e as demissões recuaram em agosto, o que daria espaço ao Fed para continuar a aumentar a taxa de juros para desacelerar o mercado de trabalho.

Investidores agora aguardam o relatório mensal das folhas de pagamento não agrícolas na sexta-feira, em busca de mais evidências sobre o mercado de trabalho. Economistas consultados pela Reuters veem criação de 300 mil empregos.

"O mercado de hoje é sobre amanhã de manhã. Você tem um mercado que está supervendido... e um catalisador para um rali ou pelo menos para evitar uma liquidação seria um relatório de emprego mais fraco, especialmente no que diz respeito aos salários", disse Quincy Krosby, estrategista-chefe global da LPL Financial em Charlotte, Carolina do Norte.

O índice S&P 500 fechou em alta de 0,30%, a 3.966,85 pontos. O Dow Jones subiu 0,46%, a 31.656,42 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite recuou 0,26%, a 11.785,13 pontos.

Apesar dos ganhos, o tom foi defensivo, com papéis de saúde, em alta de 1,65%, e os de serviços públicos, que subiram 1,42%, na liderança entre os principais setores em alta.

Pesando no setor de tecnologia, com queda de 0,48%, estiveram os fabricantes de chips, já que o índice Philadelphia de semicondutores recuou 1,92%, pressionado por uma baixa de 7,67% nas ações da Nvidia, as que mais pesaram no S&P 500, e por um declínio de 2,99% da Advanced Micro Devices.

Os Estados Unidos proibiram a exportação de alguns dos principais chips de inteligência artificial para a China.