Mercado fechará em 2 h 35 min

S&P 500 cai por receios sobre Covid-19, mas esperanças com estímulo ameniza pressão

Stephen Culp
·2 minuto de leitura
Operadores no pregão da Bolsa de Valores de Nova York (NYSE)

Por Stephen Culp

NOVA YORK (Reuters) - O índice S&P 500 fechou em leve baixa nesta segunda-feira, tendo recuperado de perdas acentuadas no início da sessão, enquanto investidores se dividiram entre a eclosão de uma nova e ameaçadora cepa da Covid-19 e o acerto de um pacote de estímulo há muito antecipado.

O Nasdaq também caiu, mas o setor financeiro ajudou o Dow Jones a reverter o curso e encerrar em modesta alta.

"O "rali de Natal" terá que esperar", disse David Carter, diretor de investimentos da Lenox Wealth Advisors, em Nova York. "Notícias preocupantes sobre a Covid no Reino Unido lembraram aos mercados que a doença ainda não foi resolvida. O caminho à frente pode ser acidentado e incerto."

O Congresso elaborou um acordo de ajuda à pandemia no domingo, após meses de disputas partidárias. O pacote de 900 bilhões de dólares, que deve ser aprovado nesta segunda-feira, inclui auxílio-desemprego, assistência a pequenos negócios e distribuição de vacinas, mas o valor em dólares ficou aquém do que muitos esperavam.

"O plano de estímulo fiscal parece grande o suficiente para conter uma recessão, mas não por muito tempo", acrescentou Carter. "Mas, embora não seja tão grande quanto muitos participantes do mercado esperavam, inclui muitas ações significativas que podem apoiar os mercados."

A Tesla Inc se tornou a empresa mais valiosa já adicionada ao S&P 500 e responderá por cerca de 1,69% do índice. As ações da montadora de carros elétricos caíram 6,5%.

Os bancos resistiram à tendência de queda no dia. O Federal Reserve (Fed, banco central norte-americano) divulgou os resultados de seu teste de estresse semestral na noite de sexta-feira e anunciou flexibilização de restrições sobre recompras e dividendos. O índice bancário do S&P saltou 2,7%.

Goldman Sachs Group subiu 6,1%, superando o preço das ações visto antes do início da crise da Covid-19.

O índice Dow Jones subiu 0,12%, a 30.216 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,390628%, a 3.695 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 0,1%, a 12.743 pontos.

Dos 11 principais setores no S&P 500, o financeiro e o de tecnologia foram os únicos a mostrar alta nesta sessão.