Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,50 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,11 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,82
    +0,11 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.832,00
    +16,30 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    57.454,99
    +1.238,08 (+2,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.486,07
    +50,28 (+3,50%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.715,50
    +117,75 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3651
    -0,0015 (-0,02%)
     

S&P 500 e Dow tocam máximas recordes após balanços promissores de grandes bancos

Shivani Kumaresan
·1 minuto de leitura
Bolsa de Nova York

Por Shivani Kumaresan

(Reuters) - Os índices S&P 500 e Dow Jones atingiram máximas históricas nesta sexta-feira, com o Morgan Stanley encerrando a temporada de balanços de grandes bancos norte-americanos com um aumento nos lucros, enquanto o otimismo em torno de uma recuperação econômica sólida deixava os principais índices dos Estados Unidos no caminho de ganhos semanais.

Nove dos 11 índices setoriais do S&P eram negociados em alta, com exceção apenas de serviços de comunicação e tecnologia da informação, após forte desempenho na sessão anterior.

Os três principais índices de Wall Street se recuperaram no mês até aqui, uma vez que dados econômicos positivos, um sólido início da temporada de resultados corporativos do primeiro trimestre e a promessa do Federal Reserve (Fed, banco central norte-americano) de manter os juros baixos apesar da inflação mais alta ampliaram a demanda, particularmente por ações de tecnologia bem valorizadas.

O Morgan Stanley informou nesta sexta-feira salto de 150% no lucro trimestral, juntando-se a JPMorgan Chase & Co, Goldman Sachs Group Inc e Bank of America no reforço de esperanças de rápida recuperação econômica.

Ainda assim, as ações do Morgan Stanley caíam 1,2%, já que a instituição também informou uma perda de quase 1 bilhão de dólares devido ao colapso do fundo privado Archegos.

"Parece haver um novo surto de entusiasmo, também porque temos um retrocesso nos rendimentos (dos títulos). Isso certamente ajuda em termos de risco", disse Peter Cardillo, economista-chefe de mercado da Spartan Capital Securities.

Às 11:19 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,46%, a 34.194 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,110061%, a 4.175 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,1%, a 14.024 pontos.