Mercado abrirá em 2 h 58 min
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,51 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,76
    -0,01 (-0,02%)
     
  • OURO

    1.853,70
    -1,50 (-0,08%)
     
  • BTC-USD

    31.912,31
    -455,98 (-1,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    645,39
    -31,51 (-4,66%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.675,04
    +36,19 (+0,55%)
     
  • HANG SENG

    29.391,26
    -767,75 (-2,55%)
     
  • NIKKEI

    28.546,18
    -276,11 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.446,00
    -29,50 (-0,22%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6920
    +0,0558 (+0,84%)
     

S&P 500 e Dow Jones avançam com recuo em pedidos de seguro-desemprego; Nasdaq cai

·1 minuto de leitura
Fachada da bolsa de valores de Nova York, EUA

(Reuters) - Os índices S&P 500 e Dow Jones subiam nesta quarta-feira, com os pedidos de seguro-desemprego caindo inesperadamente na semana passada, enquanto o Nasdaq recuava depois de fechar em pontuação recorde na véspera, afetado por perdas em ações de tecnologia.

Os mercados pareciam ignorar a ameaça do presidente Donald Trump de não sancionar um projeto de lei de alívio do coronavírus, no valor de 892 bilhões de dólares. Trump disse que o texto deveria ser alterado para aumentar o valor dos cheques de estímulo.

Embora dados do Departamento do Trabalho tenham mostrado que os pedidos iniciais de auxílio-desemprego caíram na semana passada, as solicitações permaneceram em níveis elevados, devido às restrições para conter a propagação de novas infecções por Covid-19.

Enquanto isso, um relatório separado mostrou que os gastos do consumidor caíram no mês passado pela primeira vez desde abril, devido à fraqueza no mercado de trabalho.

"Há esse conflito entre o prazo imediato, onde as condições econômicas provavelmente vão piorar, e o longo prazo, quando as coisas devem melhorar um pouco. O estímulo também ajuda a preencher essa lacuna", disse Chuck Lieberman, diretor de investimentos da Advisor Capital Management, em Nova Jersey.

Às 12:45 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,58%, a 30.189 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,34904%, a 3.700 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,04%, a 12.802 pontos.

Nove dos 11 principais setores do S&P subiam, com as ações de energia liderando as altas.

(Por Devik Jain e Ambar Warrick em Bengaluru)