Ouro tem maior nível em quase 2 semanas após Bernanke

Os contratos futuros de ouro negociados na Comex, a divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), fecharam em alta nesta terça-feira, no nível mais alto em quase duas semanas, após o presidente do Federal Reserve (Fed), Ben Bernanke, indicar que o programa de compra de bônus do banco central norte-americano vai continuar.

O contrato de ouro mais negociado, com entrega para abril, avançou US$ 28,90 (1,78%) e encerrou a US$ 1.615,50 a onça-troy, patamar mais alto desde 14 de fevereiro.

Em seu testemunho semestral ao Congresso, Bernanke sinalizou que o Fed continuará com seu programa de compra de bônus, argumentando que os benefícios das políticas de relaxamento monetário da instituição para a economia mais ampla ainda superam os potenciais riscos. O ouro tende a se beneficiar de políticas acomodatícias, uma vez que os investidores veem o metal como proteção contra a inflação que pode se seguir ao aumento de liquidez no sistema financeiro.

O ouro havia atingido a mínima em sete meses na semana passada, à medida que os investidores abandonavam o metal precioso em reação às especulações de que o Fed anteciparia o fim do programa de estímulos.

Mas os traders viram o testemunho de Bernanke como uma indicação de que uma mudança não é iminente, disse Kurt Pfafflin, da Daniels Trading. "Temos um mercado com excesso de vendas e este é um rali de alívio", afirmou. As informações são da Dow Jones.

Carregando...