Ouro sobe 0,8% após acordo para evitar abismo fiscal

Os contratos futuros de ouro negociados na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), fecharam em alta nesta quarta-feira após o Congresso dos Estados Unidos aprovar o acordo para evitar o chamado abismo fiscal, uma série de aumento de impostos e cortes de gastos que poderiam levar a economia americana de volta à recessão.

O contrato de ouro mais negociado, com entrega para fevereiro, ganhou US$ 13 (0,8%), fechando a US$ 1.688,80 a onça-troy na Nymex, após chegar a US$ 1.695,40 mais cedo durante a sessão.

A Câmara dos Representantes, equivalente à Câmara dos Deputados no Brasil, aprovou na madrugada desta quarta-feira, pelo horário de Brasília, o acordo para evitar o abismo fiscal que havia passado pelo Senado na noite de Ano-Novo. Com a aprovação no Congresso, o acordo vai agora para a sanção do presidente Barack Obama.

No acordo aprovado pelo Congresso, americanos que ganham mais de US$ 400 mil por ano (ou US$ 450 mil se for um casal) pagarão mais imposto de renda (a taxa subiu de 35% para 39,6%) a partir desta quarta-feira.

Além disso, o corte de gastos de programas do governo americano foi postergado por dois meses. Esses cortes equivalem a US$ 1,2 trilhão em dez anos. Benefícios a desempregados foram mantidos por mais um ano. O acordo não menciona a elevação do teto da dívida pública americana, que chegou ao limite e precisa ser aumentado. As informações são da Dow Jones.

Carregando...