Mercado fechará em 6 h 37 min
  • BOVESPA

    111.303,88
    -135,48 (-0,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,59 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,74
    -1,23 (-1,71%)
     
  • OURO

    1.759,40
    +8,00 (+0,46%)
     
  • BTC-USD

    43.755,75
    -3.635,87 (-7,67%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.090,55
    -134,98 (-11,01%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,42 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.844,39
    -119,25 (-1,71%)
     
  • HANG SENG

    24.099,14
    -821,62 (-3,30%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,75 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.076,75
    -249,25 (-1,63%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2302
    +0,0308 (+0,50%)
     

Os destaques na agenda da Olímpiada de Tóquio-2020

·2 minuto de leitura

Terça (27)

Ana Sátila pode pintar na final da categoria K1 da canoagem slalom, a partir de 4h15.

Em seu segundo jogo na Olimpíada, o vôlei feminino do Brasil enfrenta a República Dominicana às 7h40.

A final por equipes da ginástica artística feminina ocorre a partir das 7h45.

Pela terceira rodada do futebol feminino, o Brasil encara Zâmbia, às 8h30.

Quarta (28)

Pela terceira rodada do futebol masculino, a seleção brasileira vai encarar a Arábia Saudita, às 5h.

A final da disputa pelo individual geral masculino na ginástica artística é realizada a partir de 7h15.

O handebol masculino do Brasil faz seu terceiro jogo, contra a Espanha, às 7h30.

Pela terceira rodada, o vôlei masculino, atual campeão, pega os russos, às 9h45.

O handebol feminino brasileiro tem como rival na terceira partida, às 23h, a Espanha.

Quinta (29)

O dia 29 marca outro momento em que Ana Sátila poderá aparecer, agora na categoria C1 da canoagem, a partir de 2h.

Em seu terceiro jogo, o vôlei feminino do Brasil enfrenta o Japão, às 7h40.

A partir das 7h50, ocorre a final da disputa pelo individual geral feminino na ginástica artística.

As tão esperadas provas de atletismo, enfim, começam às 21h. Elas vão até 8 de agosto, último dia de Olimpíada.

Um dos grandes nomes é a jamaicana Shelly-Ann-Fraser-Pryce, que está em uma das baterias dos 100 m rasos feminino, a partir de 23h40 –ela ainda compete nos 200 m e no revezamento 4 x 100 m.

O handebol masculino brasileiro faz seu quarto jogo, contra a Argentina, às 21h.

Pela quarta rodada, o vôlei masculino do Brasil pega os Estados Unidos às 23h05.

A partir de 23h, o francês Teddy Riner, atual bicampeão na categoria acima de 100 kg do judô, pisa no tatame para defender o posto de estrela olímpica.

Sexta (30)

A final de duplas do masculino de tênis está marcada para a meia-noite.

Às 7h02, com o masculino, começam as eliminatórias de uma das provas mais aguardadas da natação: os 50 m livre. No feminino, a partir das 7h24, Simone Manuel, dos Estados Unidos, carrega consigo quatro medalhas olímpicas em provas de velocidade e desponta como favorita. As finais serão no dia seguinte, a partir de 22h30.

No atletismo, acontece a prova do salto com vara masculino às 21h40. Oportunidade para ver Armand Duplantis, da Suécia, atual recordista mundial, e o brasileiro Thiago Braz, ouro na Rio-2016. As eliminatórias correm pela noite. As finais serão no dia 3.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos