Mercado fechará em 22 mins
  • BOVESPA

    110.276,10
    +1.432,36 (+1,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.870,75
    +313,10 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,51
    +0,22 (+0,31%)
     
  • OURO

    1.775,50
    +11,70 (+0,66%)
     
  • BTC-USD

    42.241,23
    -1.263,73 (-2,90%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.049,58
    -14,26 (-1,34%)
     
  • S&P500

    4.373,87
    +16,14 (+0,37%)
     
  • DOW JONES

    34.074,51
    +104,04 (+0,31%)
     
  • FTSE

    6.980,98
    +77,07 (+1,12%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.839,71
    -660,34 (-2,17%)
     
  • NASDAQ

    15.088,50
    +79,00 (+0,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1954
    -0,0493 (-0,79%)
     

Os 5 melhores aplicativos de acessibilidade

·4 minuto de leitura

Os serviços de acessibilidade são recursos instalados de forma nativa no Android e iOS. Além dessas funções já presentes no sistema do aparelho, existem aplicativos de terceiros que funcionam como complementos e ajudam a proporcionar uma rotina mais inclusiva.

A App Store e a Google Play Store disponibilizam apps voltados para diferentes contextos, como tradutores de libras, opções para deficientes visuais e guias sobre a estrutura de locais e estabelecimentos. Confira, a seguir, uma lista com os melhores aplicativos voltados para a acessibilidade.

1. Guiaderodas

O Guiaderodas é um aplicativo utilizado para avaliar a acessibilidade de lugares para pessoas com dificuldade de locomoção. O app utiliza a localização do seu aparelho para encontrar estabelecimentos comerciais, pontos turísticos e outros lugares importantes próximos. Na lista, é possível descobrir quais são considerados acessíveis ou não, segundo avaliações feitas pela comunidade.

Encontre informações sobre a acessibilidade de lugares (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Encontre informações sobre a acessibilidade de lugares (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Para avaliar um local, o app disponibiliza um questionário rápido, realizado com até 10 toques na tela. As avaliações incluem informações sobre o estacionamento, estruturas para a entrada e circulação interna, banheiros adaptados e fraldários. Há, também, a possibilidade de informar comentários sobre cada instalação.

A tela principal disponibiliza filtros para encontrar restaurantes, bares, hotéis, mercados e outras opções. O Guiaderodas também disponibiliza abas de conteúdos sobre acessibilidades com notícias e dicas sobre viagens.

2. HandTalk

  • Compatibilidade: Android, iOS

  • Preço: gratuito com exibição de anúncios (R$ 10,90 para remover)

O HandTalk é um tradutor de linguagem de sinais para celulares. Utilizando dois personagens virtuais, Hugo e Maya, o aplicativo faz a tradução a partir de textos ou voz para a Língua Brasileira de Sinais (Libras) e Língua Americana de Sinais (ASL).

Aplicativo pode ser utilizado para aprender linguagem de sinais (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Aplicativo pode ser utilizado para aprender linguagem de sinais (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Basta digitar ou utilizar o microfone para solicitar a tradução de uma expressão. Em seguida, o avatar exibirá os gestos, e o aplicativo permite alterar a velocidade da reprodução para facilitar o aprendizado. Caso tenha esquecido um dos sinais, não tem problema: com uma conta criada na plataforma, é possível acessar o histórico de traduções.

Os avatares Hugo e Maya podem ser personalizados com roupas adquiridas em uma loja virtual. O aplicativo também possui outras duas áreas educacionais. A primeira é um dicionário de termos e expressões catalogado entre diferentes categorias. Além dessa opção, existe uma área com vídeos educacionais.

3. CittaMobi Acessibilidade

O CittaMobi é um dos principais aplicativos disponíveis de mobilidade urbana, com acompanhamento em tempo real de linhas de ônibus de cidades brasileiras. A ferramenta possui uma versão adaptada para deficientes visuais, chamada de CittaMobi Acessibilidade e oferecida em um app separado.

App possui uma versão adaptada para leitura em voz alta (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
App possui uma versão adaptada para leitura em voz alta (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

O CittaMobi Acessibilidade possui integração com os serviços de leitura de tela: o TalkBack, no Android, e o VoiceOver, no iOS. Com uma interface simplificada, possui um menu com poucas opções e facilita a busca por linhas de ônibus e consultas de trajetos.

O app permite salvar trajetos favoritos, localizar pontos próximos de desembarque e acompanhar o itinerário das linhas. Para conferir se o CittaMobi está disponível em sua cidade, clique aqui.

4. Transcrição Instantânea

  • Compatibilidade: Android

  • Preço: gratuito

Instalado de forma nativa em alguns aparelhos Android, o Transcrição Instantânea é um aplicativo com o objetivo de auxiliar pessoas com deficiências auditivas. A ferramenta utiliza o microfone para transcrever falas em tempo real e enviar notificações de sons ao redor.

Aplicativo transcreve conversas ao redor (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Aplicativo transcreve conversas ao redor (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Com o aplicativo configurado, é necessário apenas que alguém comece a falar para que a transcrição para o texto seja feita. Há um histórico com os registros mais recentes, opção para configurar o idioma de entrada e um modo de conversa para responder às transcrições com textos.

O app também é usado para receber notificações de sons importantes ao seu redor, reconhecendo sons de buzinas, alarmes, animais, pessoas, entre outras opções. O Transcrição Instantânea pode ser acessado nas configurações de acessibilidade do seu aparelho Android e adicionado à gaveta de apps.

5. Be My Eyes

O BeMyEyes tem uma interessante proposta para ajudar pessoas com deficiências visuais. Pelo app, é possível voluntariar-se para ajudar pessoas com tarefas visuais a partir de chamadas de áudio e vídeo.

Aplicativo ajuda deficientes visuais com tarefas diárias (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Aplicativo ajuda deficientes visuais com tarefas diárias (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

No cadastro inicial, é necessário informar se deseja procurar ou fornecer ajuda, além de selecionar os seus idiomas compatíveis. Em seguida, o aplicativo envia notificações quando uma pessoa precisa de ajuda e inicia uma chamada de áudio e vídeo quando há disponibilidade de algum voluntário. Dessa forma, é possível ajudar a realizar tarefas cotidianas, como descobrir a cor de uma camisa, a validade de um produto, entre outras opções.

A plataforma conta com mais de 4 milhões de pessoas cadastradas para o voluntariado. Além da opção de responder às chamadas, o aplicativo possui uma aba de histórias de participantes da comunidade.

O que achou desses apps? Comente!

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos