Mercado fechará em 4 h 27 min

Os 25 países com os iPhones mais caros do mundo

Foto: JOSH EDELSON/AFP/Getty Images

A Apple anunciou na terça-feira (10) o lançamento dos novos iPhones 11, 11 Pro e 11 Pro Max. A nova geração custa a partir de US$ 699 e pode chegar a US$ 1.099 na versão mais avançada.

SIGA O YAHOO FINANÇAS NO INSTAGRAM

Por enquanto, o preço do aparelho no Brasil não foi divulgado, o que só deve acontecer em novembro, seguindo a tradição da empresa. Mas se considerarmos só a geração do iPhone XS, atualmente à venda no país, nós já temos o iPhone mais caro do mundo.

Leia também

É o que diz um levantamento do Deutsche Bank divulgado em maio de 2019. A instituição financeira tem uma lista com os países que vendem os iPhones mais caros do mundo, e o Brasil aparece na ponta.

O levantamento leva em conta o preço oficial do iPhone XS Max, o modelo mais caro da marca, vendido pela loja oficial da Apple e convertido em dólar. Vale destacar que a lista foi elaborada antes do aumento da moeda norte-americana frente ao real nos últimos meses.

Mesmo assim, o resultado do estudo confirma uma tendência vista em outros levantamentos mundo afora. Vale lembrar que, nos EUA, o mesmo modelo custa US$ 1.251. Confira a lista a seguir.

  1. Brasil (164% em relação ao preço dos EUA)

  2. Turquia (150% em relação ao preço dos EUA)

  3. Argentina (142% em relação ao preço dos EUA)

  4. Índia (131% em relação ao preço dos EUA)

  5. Grécia (127% em relação ao preço dos EUA)

  6. Rússia (127% em relação ao preço dos EUA)

  7. Bangladesh (124% em relação ao preço dos EUA)

  8. Suécia (123% em relação ao preço dos EUA)

  9. Egito (123% em relação ao preço dos EUA)

  10. Noruega (123% em relação ao preço dos EUA)

  11. Dinamarca (122% em relação ao preço dos EUA)

  12. Itália (121% em relação ao preço dos EUA)

  13. Finlândia (120% em relação ao preço dos EUA)

  14. Portugal (120% em relação ao preço dos EUA)

  15. Irlanda (120% em relação ao preço dos EUA)

  16. República Tcheca (119% em relação ao preço dos EUA)

  17. Polônia (119% em relação ao preço dos EUA)

  18. Filipinas (119% em relação ao preço dos EUA)

  19. Reino Unido (119% em relação ao preço dos EUA)

  20. Bélgica (118% em relação ao preço dos EUA)

  21. Holanda (118% em relação ao preço dos EUA)

  22. Espanha (118% em relação ao preço dos EUA)

  23. França (118% em relação ao preço dos EUA)

  24. México (118% em relação ao preço dos EUA)

  25. Áustria (117% em relação ao preço dos EUA)