Mercado abrirá em 5 h 40 min

Os 10 filmes mais pirateados da semana (22/03/2020)

Sérgio Oliveira

Fim de semana, shoppings e cinemas fechados, todo mundo em casa... Nessa semana, as autoridades e governos locais decretaram medidas para conter o avanço da COVID-19 e um reflexo imediato disso foi o aumento do consumo de conteúdo de entretenimento não só em plataformas de streaming e vídeo sob demanda, mas também por pirataria.

Não adianta tapar o sol com a peneira: a prática sempre existiu e sempre vai existir. Em tempos de pandemia, então, os números vêm aumentando. Para piorar, diversos estúdios e distribuidoras decidiram antecipar o lançamento de filmes online, trazendo uma enxurrada de novidades também para os trackers torrent internet afora.

Prova disso é que cinco dos 10 filmes mais pirateados da semana são inéditos. Mais curioso ainda é que três deles tomaram o pódio de assalto e levaram para casa as medalhas de bronze, prata e ouro de uma só vez. Os antigos "reis do pedaço" não só perderam bastante espaço, como um deles simplesmente sumiu do ranking. Se continuarmos assim, é possível que já na semana que vem tenhamos uma lista completamente diferente, preenchida apenas com novas produções. Será?

O Canaltech é o único portal do Brasil a fazer levantamento próprio e para fins informativos dos 10 filmes mais pirateados da semana. A lista desta semana você confere a seguir.

10. 1917

Os cabos Schofield (George MacKay) e Blake (Dean-Charles Chapman) são jovens soldados britânicos durante a Primeira Guerra Mundial que são encarregados de uma missão aparentemente impossível: eles precisam atravessar o território inimigo, lutando contra o tempo, para entregar uma mensagem que pode salvar seus colegas de batalhão.

Leia também: Crítica | 1917 é um filme de guerra que carrega a urgência de um mundo em paz

9. Jumanji: Próxima Fase

Spencer (Alex Wolff) tenta consertar o videogame quebrado que permitia ao grupo de amigos visitar o mundo de Jumanji. Depois que tudo está em ordem, eles retornam para mais uma aventura levando pessoas novas para dentro do jogo.

Leia também: Crítica | Jumanji: Próxima Fase cai de pé e é um entretenimento sincero

8. Parasita

Vencedor do Oscar de Melhor Filme em 2020, Parasita acompanha a história da família de Ki-taek, que está desempregada e vivendo em um porão sujo e apertado. Uma obra do acaso faz com que o filho adolescente da família comece a dar aulas de inglês a uma garota de uma família rica. Fascinados com a vida luxuosa dessas pessoas, pai, mãe, f ilho e filha bolam um plano para se infiltrarem na família burguesa, um a um. Mas os segredos e mentiras necessários para ascender na sociedade custarão caro a todos.


7. The Banker

No Texas da década de 1950, Joe Morris (Samuel L. Jackson) e Bernard Garrett (Anthony Mackie) são dois empresários afro-americanos que resolvem contratar Matt Steiner (Nicholas Hoult), um branco de classe trabalhadora, para se passar por chefe deles. Assim, os dois conseguem contornar as limitações raciais da época para se tornarem dois dos mais ricos e bem-sucedidos proprietários de imóveis dos Estados Unidos.

6. Sonic: O Filme

Quem foi criança ou adolescente na década de 1990 e era ligado no mundo dos videogames certamente acompanhou a guerra travada entre SEGA e Nintendo, Sonic e Mario. Agora, o porco-espinho azul mais famoso do mundo chega aos cinemas em uma aventura com seus amigos para derrotar o terrível Doutor Robotnik (Jim Carrey). O cientista maluco tem planos de dominar o mundo e, para isso, quer transformar todos os animais em robôs.

Leia também: Crítica | Simples e divertido, Sonic: O Filme é como uma volta ao passado

5. Emma

A jovem rica e inteligente Emma Woodhouse não tem pretensões de se casar tão cedo, pois tem planos de sempre estar perto do pai. Mas isso não a impede de dar uma de "casamenteira", tentando juntar casais que considera apropriados entre seus conhecidos. O problema é que ela não percebe as situações constrangedores e adversas que sua imaginação e teimosia causam.

4. Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa

Você já ouviu aquela piada sobre a policial, a cantora, a psicopata e a princesa da máfia? Aves de Rapina: Arlequina e Sua Emancipação Fantabulosa é um conto distorcido narrado por Harley (Margot Robbie), como só ela poderia contar. Quando o mais terrível e narcisista vilão de Gotham, Roman Sionis (Ewan McGregor), e seu braço direito, Victor Zsasz (Chris Messina), começam a caçar uma jovem chamada Cass, a cidade é virada de cabeça para baixo em busca da garota. Os caminhos de Arlequina, Caçadora (Mary Elizabeth Winstead), Canário Negro (Jurnee Smollett-Bell) e Renee Montoya (Rosie Perez) se encontram e o quarteto improvável não tem escolha a não ser se unir para derrubar Roman.

Leia também: Crítica | Aves de Rapina confirma escalada da DC Films com boa diversão

3. A Caçada

Criticado até mesmo pelo presidente dos EUA, Donald Trump, o filme é uma espécie de Bacurau hollywoodiano, mostrando um grupo de americanos ricos e fortemente armados que decide caçar outros humanos num lugar distante do planeta. O problema é que eles são surpreendidos quando as vítimas reagem e decidem dar o tronco.

2. Star Wars: Episódio IX - A Ascensão Skywalker

A parte da Resistência que sobreviveu enfrenta a Primeira Ordem mais uma vez. A batalha final marcará o fim de uma saga de grandes embates da família Skywalker. Novas lendas nascerão e o encontro com a liberdade ainda está por vir.

1. O Homem Invisível

Depois de fugir das garras do ex-abusivo, Cecilia (Elisabeth Moss) recebe a notícia de que ele tirou a própria vida e lhe deixou sua fortuna. Apesar disso, ela não se sente segura e começa a suspeitar que a morte dele foi uma farsa. Suas dúvidas aumentam quando uma série de coincidências começam a lhe tirar o sossego, ameaçando até mesmo a vida dela. Agora caberá a Cecilia provar que está sendo caçada por alguém que ninguém pode ver.

Leia também: Crítica | O Homem Invisível é terror de peso para compreender relações abusivas

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: