Mercado abrirá em 7 h 11 min
  • BOVESPA

    114.064,36
    +1.782,08 (+1,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.464,27
    +125,93 (+0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,41
    +0,11 (+0,15%)
     
  • OURO

    1.752,90
    +3,10 (+0,18%)
     
  • BTC-USD

    44.178,68
    +287,35 (+0,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.103,23
    -5,69 (-0,51%)
     
  • S&P500

    4.448,98
    +53,34 (+1,21%)
     
  • DOW JONES

    34.764,82
    +506,50 (+1,48%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.479,89
    -31,09 (-0,13%)
     
  • NIKKEI

    30.232,86
    +593,46 (+2,00%)
     
  • NASDAQ

    15.272,75
    -30,75 (-0,20%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2239
    -0,0011 (-0,02%)
     

Os 10 animais com a maior expectativa de vida do mundo

·5 minuto de leitura

Se você já assistiu ao filme Procurando Nemo, talvez se lembre da cena em que Crush, a tartaruga-marinha com sotaque carioca, diz que tem nada menos que 150 anos. Mas e se te dissermos que existem animais que podem viver muito além disso? Existem alguns até que são considerados praticamente imortais pela ciência! Confira dez desses animais com uma expectativa de vida invejavel:

10 - Baleia-da-groenlândia

As baleias da Groenlândia são conhecidas por sua longevidade, uma vez que podem viver por mais de 200 anos! Há registros de uma fêmea capturada na costa do Alasca que tinha uma idade estimada em 115 e 130 anos, mas outras baleias já apontaram 135 e até 172 anos. Os cientistas já chegaram a descobrir um espécime com aproximadamente 211 anos, muito além das estimativas iniciais.

As baleias têm mutações em um gene chamado ERCC1, que está envolvido no reparo do DNA danificado, o que pode ajudar a proteger as baleias de doenças como o câncer, por exemplo. Além disso, outro gene, denominado PCNA, tem uma seção que foi duplicada. Este gene está envolvido no crescimento e reparo celular, e a duplicação pode retardar o envelhecimento.

9 - Bodião de rougheye

Outro animal que vive bastante é o bodião de rougheye (Sebastes aleutianus), também conhecido como rougheye rockfish, em inglês. Acontece que essa espécie pode viver simplesmente por 205 anos. É um dos peixes de maior longevidade. Esses peixes vivem no Oceano Pacífico, crescem até 97 centímetros de comprimento e comem outros animais, como camarão e até mesmo peixes menores.

8 - Mexilhão-do-rio

Quem diria que um mexilhão seria um dos animais com maior longevidade do mundo?! O mexilhão-do-rio (Margaritifera) é um bivalve que filtra partículas de comida da água. Vive em água doce e pode ser encontrado na Europa e América do Norte. O mais antigo mexilhão-do-rio tinha 280 anos. Esses invertebrados têm longa vida útil graças ao seu baixo metabolismo.

No entanto, a população de mexilhões-do-rio está diminuindo devido a danos e mudanças nos habitats dos rios dos quais dependem, causadas pelo ser humano.

7 - Tubarão-da-groenlândia

Os tubarões-da-groenlândia (Somniosus microcephalus) vivem nas profundezas dos oceanos Ártico e Atlântico. Eles podem crescer até 7,3 metros de comprimento e têm uma dieta que inclui uma variedade de outros animais, incluindo peixes e mamíferos marinhos, como focas, de acordo com o St. Lawrence Shark Observatory, no Canadá.

Mas o que destaca nesses animais são suas expectativas de vida. Isso porque um estudo de 2016 estimou que esses tubarões podem ter uma vida de pelo menos 272 anos. O tubarão com a vida mais longa do estudo chegou a 392 anos, e os pesquisadores sugeriram que esses tubarões podem ter até 512 anos!

6 - Verme tubular

Os vermes tubulares se assemelham gigantes e finos caules de bambu, vivem em aglomerados de milhões, cobrindo áreas enormes no fundo do oceano. Eles têm um tubo fino e flexível em seus corpos feitos de secreções que lhes fornecem proteção e suporte. E uma espécie de verme tubular chamada Escarpia laminata habita o fundo do oceano no Golfo do México, e é capaz de viver por mais de 300 anos. Os vermes tubulares têm uma baixa taxa de mortalidade com poucas ameaças naturais, como a falta de predadores.

5 - Quahog do oceano

Os mariscos quahog do oceano (Arctica islandica) habitam o Oceano Atlântico. Um quahog do oceano encontrado na costa da Islândia em 2006 tinha 507 anos, de acordo com o Museu Nacional de Gales, no Reino Unido. Ele chegou a ser apelidado de Ming porque nasceu em 1499, quando a Dinastia Ming governou a China (de 1368 a 1644).

4 - Coral negro

Os corais parecem plantas subaquáticas, mas na verdade são feitos de exoesqueletos de invertebrados chamados pólipos. Esses pólipos se multiplicam e se substituem continuamente, criando uma cópia geneticamente idêntica, que com o tempo faz com que a estrutura do exoesqueleto do coral cresça cada vez mais. Os corais podem viver centenas de anos, mas uma espécie chamada coral negro (Leiopathes) tem os corais de vida mais longa, já que uma vez foram encontrados na costa do Havaí com, pasme, 4.265 anos de idade!

3 - Esponja

Já sabemos porque o Bob Esponja não envelhece ao longo dos episódios: acontece que as esponjas são compostas por colônias de animais, semelhantes aos corais, e também podem viver por milhares de anos. Há uma espécie, no entanto, que contém as esponjas de vida mais longa da Terra. Trata-se da Monorhaphis chuni, frequentemente encontrada no fundo do oceano. Ela tem esqueletos que se assemelham a vidro, por isso em inglês é chamada de Glass Sponge. Um estudo de 2012 publicado na revista Chemical Geology apontou uma esponja dessa espécie com aproximadamente 11 mil anos.

2 - Água-viva

Até então, vimos animais verdadeiramente velhos. Mas e se te dissermos que existem animais que beiram a imortalidade? É o caso, por exemplo, da Turritopsis dohrnii, uma espécie de águas-viva que pode fazer seus tecidos rejuvenescerem, e as fases de vida regridem. Essa capacidade de se regenerar continuamente não significa que a água-viva nunca morra, já que ela pode ser comida por um predador, ou algo assim. No entanto, ela pode passar por um processo de reestruturação de tecidos (um tipo de regeneração) e voltar ao estágio inicial de vida, mesmo depois de atingir a maturidade.

1 - Hidra

A Hidra é uma espécie de animal cnidário de corpo cilíndrico e em forma de pólipo. Vive em água doce, preferencialmente em águas frias e limpas, presa por uma extremidade a uma rocha ou à vegetação aquática. Assim como a Turritopsis dohrnii, a hidra também tem o potencial de viver para sempre, porque simplesmente não mostra sinais de deterioração com a idade, com direito a células que se regeneram continuamente por meio da duplicação ou clonagem.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos