Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,50 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,11 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,82
    +0,11 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.832,00
    +16,30 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    57.410,04
    -1.325,99 (-2,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.480,07
    +44,28 (+3,08%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.715,50
    +117,75 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3651
    -0,0015 (-0,02%)
     

Orsted se prepara para avanço de petroleiras em energia eólica

William Mathis
·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- A maior incorporadora mundial de parques eólicos em alto-mar planeja aumentar os investimentos para preservar sua posição de liderança de mercado, já que petroleiras estão de olho nas credenciais verdes da tecnologia.

“A competição está aumentando e, para o mundo, isso é ótimo. Mas isso significará que teremos que estar em nosso melhor jogo”, disse Mads Nipper, novo diretor-presidente da Orsted. Em entrevista à Bloomberg, Nipper disse que a empresa busca maneiras de aumentar os níveis de investimento para se manter à frente da concorrência.

Nipper fará uma atualização crucial para investidores sobre os planos de longo prazo da empresa em junho. A última vez que executivos fizeram essa atualização foi em 2018, quando a empresa valia menos da metade do que hoje e seu principal negócio, a energia eólica offshore, era uma fonte de energia secundária, principalmente confinada ao norte da Europa. Com a concorrência crescendo rapidamente, a Orsted precisará provar que é capaz de capitalizar sua vantagem inicial em um dos setores mais procurados em energia verde.

Nipper assumiu o cargo no início do ano. Desde então, as ações da Orsted acumulam queda de cerca de 20% em meio às perdas no setor de energia verde. Além disso, com a pandemia, o executivo teve de trabalhar com a maioria dos novos colegas por Zoom.

Nos últimos 12 meses, a empresa dinamarquesa perdeu licitações de novos parques eólicos para empresas como BP, Royal Dutch Shell e Equinor. Com o avanço das maiores petrolíferas europeias no mercado que sua empresa ajudou a lançar, Nipper planeja alavancar as décadas de experiência em energias renováveis da Orsted para continuar sendo o maior player do mercado.

“Ninguém espera que eles ganhem tudo, mas os investidores querem que ganhem alguma coisa”, disse Deepa Venkateswaran, analista do Sanford C. Bernstein & Co.

O CEO não quis dizer qual será a forma do investimento extra ou o valor exato. Mais detalhes serão divulgados em junho. Mas existe um modelo claro que funcionou até agora.

À medida que a Orsted conclui mais parques eólicos, terá mais dinheiro para investir. Nipper também disse que planeja continuar a vender participações em parques eólicos, ativos que mostram demanda crescente.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.