Mercado abrirá em 9 h 47 min
  • BOVESPA

    121.241,63
    +892,84 (+0,74%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.458,02
    +565,74 (+1,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,31
    -0,05 (-0,10%)
     
  • OURO

    1.839,40
    +9,50 (+0,52%)
     
  • BTC-USD

    36.915,14
    -24,46 (-0,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    722,75
    -12,39 (-1,69%)
     
  • S&P500

    3.768,25
    -27,29 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    30.814,26
    -177,24 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.720,65
    -15,06 (-0,22%)
     
  • HANG SENG

    29.380,71
    +517,94 (+1,79%)
     
  • NIKKEI

    28.579,40
    +337,19 (+1,19%)
     
  • NASDAQ

    12.883,50
    +81,25 (+0,63%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4019
    +0,0066 (+0,10%)
     

Orquestra Sinfônica Juvenil Carioca canta com Toni Garrido em homenagem à semana da consciência negra

Extra
·1 minuto de leitura

Em homenagem à semana da concsciência negra, a Orquestra Sinfônica Juvenil Carioca vai executar a ópera "O Morro Canta Canudos" com a participação especial do cantor Toni Garrido nesta terça-feira e quarta-feira. Diretamente da Cidade das Artes, o concerto vai ser transmitido ao vivo pelo Canal do YouTube do Programa Orquestra nas Escolas (www.youtube.com/orquestranasescolas) a partir das 19h.

A ópera reúne música de concerto e popular e conta parte da história da importância da matriz africana para a formação sociocultural do Brasil. O espetáculo passeia por diferentes eventos históricos como a travessia dos navios negreiros, a criação do Morro da Favela pelos soldados de Canudos, a população do cortiço Cabeça de Porco, a apresentação do maxixe de Chiquinha Gonzaga no Palácio do Governo e o nascedouro do samba pela Gamboa e arredores (incluindo Tia Ciata e o samba de roda baiano).

O espetáculo também tem a apresentação de um grupo de dança, que acompanhará algumas das músicas da OSJC. Vídeos de alunos da rede pública carioca de ensino ao lado de seus professores e familiares, levando ao público mensagens de liberdade, igualdade e esperança no futuro.