Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.808,98
    +631,76 (+1,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Ondas de rádio misteriosas estão sendo transmitidas do centro da Via Láctea

·2 min de leitura
O objeto misterioso emitiu fortes ondas de rádio durante grande parte de 2020. Foto: Getty Images.
O objeto misterioso emitiu fortes ondas de rádio durante grande parte de 2020. Foto: Getty Images.
  • As ondas de rádio, que vem do meio da Via Láctea, não parecem ser nada visto antes;

  • Em artigo da Universidade de Sydney, pesquisadores destrincham característica do misterioso objeto;

  • Segundo os cientistas, o fenômeno emitiu sinais de forma drástica em poucos meses.

Ondas de rádio misteriosas estão sendo emanadas do coração da galáxia e os astronautas não sabem o que as está causando. Os pesquisadores da Universidade de Sydney detectaram os sinais de rádio, que não correspondem a nenhum tipo conhecido.

Essas ondas, que vem do centro da Via Láctea, não parecem ser de nenhuma espécie de estrela, planeta ou rocha espacial vista anteriormente por cientistas. O que torna a situação ainda mais esquisita é que a força do sinal emitido cresceu e diminuiu drasticamente em poucos meses. Em contraste, a maior parte dos objetos da galáxia não muda tanto no período de um ano, e nem mesmo suas ondas de rádio.

Leia também:

Em artigo publicado na terça-feita por Ziteng Wang, principal autor do estudo pela universidade, a misteriosa fonte do sinal de rádio pode representar uma nova classe de objetos.

Segundo o chefe da pesquisa, o fenômeno emitiu fortes ondas de rádio durante grande parte de 2020, o equivalente a seis sinais em nove meses. A equipe de Wang também não encontrou o objeto sob luz visível e nem com raios-X ou luz infravermelha. 

Dessa forma, usaram as ondas de rádio pelo radiotelescópio Parkes, da Austrália. Após outras tentativas com radiotelescópios diferentes, o resultado não foi satisfatório.

Segundo Tara Murphy, professora da Universidade de Sydney e supervisora de PhD de Wang, o objeto foi o único que foi de invisível para brilhante, o que é um comportamento extraordinário.

O misterioso sinal de rádio tem, contudo, características parecidas com sinais de uma classe de objetos denominados “transientes de rádio do centro galáctico”, descobertos nos anos 2000. Contudo, os pesquisadores ainda não sabem muitos sobre os mesmos.

As informações são da Business Insider.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos