Mercado abrirá em 1 h 52 min
  • BOVESPA

    106.924,18
    +1.236,18 (+1,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.579,90
    +270,60 (+0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,43
    -1,06 (-0,96%)
     
  • OURO

    1.804,40
    -3,80 (-0,21%)
     
  • BTC-USD

    30.071,51
    +187,93 (+0,63%)
     
  • CMC Crypto 200

    673,87
    -7,23 (-1,06%)
     
  • S&P500

    4.023,89
    +93,81 (+2,39%)
     
  • DOW JONES

    32.196,66
    +466,36 (+1,47%)
     
  • FTSE

    7.420,10
    +1,95 (+0,03%)
     
  • HANG SENG

    19.950,21
    +51,44 (+0,26%)
     
  • NIKKEI

    26.547,05
    +119,40 (+0,45%)
     
  • NASDAQ

    12.317,25
    -65,50 (-0,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2826
    +0,0235 (+0,45%)
     

Onda de demissões preocupa mercado de startups

Aperto monetário – ainda em fase inicial nos Estados Unidos e já avançado no Brasil – já reverbera no ecossistema de startups. (Reprodução/Instagram/QuintoAndar)
Aperto monetário – ainda em fase inicial nos Estados Unidos e já avançado no Brasil – já reverbera no ecossistema de startups. (Reprodução/Instagram/QuintoAndar)
  • QuintoAndar e Loft fizeram uma série de demissões recentemente;

  • Alta global nos juros devem dificultar vida de startups;

  • Guerra na Ucrânia também é fator de preocupação.

Se nos últimos anos o mercado de startups era um dos mais promissores e com boas perspectivas, parece que essa maré está virando. Com demissões em massa de unicórnios como QuintoAndar e Loft, o mercado tem se preocupado com o futuro dessas empresas.

A alta global nos juros básicos e a guerra na Ucrânia assustam os mercados internacionais, que buscam ativos seguros com empresas já consolidadas e que possuem um modelo de negócios que já é sustentável. Analistas e investidores apontam que o segmento de startups ganhará um perfil menos empolgado e mais cauteloso.

O aperto monetário – ainda em fase inicial nos Estados Unidos e já avançado no Brasil – já reverbera no ecossistema de startups. De um lado, será mais difícil levantar capital; do outro, os cheques devem ser avaliados na minúcia antes de serem assinados.

"Essas companhias não vão conseguir levantar novas quantias enormes de dinheiro em futuras rodadas, porque a janela de captação está mais difícil. E aí as startups precisam fazer ajustes para passar pela tempestade com dinheiro no caixa", disse ao Estadão Amure Pinho, cofundador da plataforma Investidores.vc.

No mês passado, o fundador do Softbank, Masayoshi Son, orientou seus principais executivos a desacelerar investimentos, de acordo com o Financial Times. Na reunião, o CEO teria citado a queda global nas ações de tecnologia e a pressão regulatória na China como fatores de preocupação para o portfólio - como as grandes gestoras têm portfólios mistos de startups abertas e fechadas, um cenário afeta o outro.

Cortes no quadro de funcionários

A QuintoAndar e Loft, ambas do segmento imobiliário, registraram grandes cortes no quadro de funcionários nos últimos dias, chocando o setor de tecnologia brasileiro. A QuintoAndar afirma ter demitido 160 colaboradores, contudo, estimativas não oficiais colocam o número em 800, ou 20% do total de funcionários da empresa.

Já a Loft disse em nota ter desligado 159 funcionários, sendo "a maioria das áreas comercial e de operações", e que outros 52 colaboradores foram transferidos para outras empresas do grupo CrediHome, como a CredPago, Vista e Nomah.

A Facily, empresa que atua como hipermercado digital, também realizou a demissão em massa de seus funcionários. De acordo com uma lista vazada da empresa, cerca de 84 empregados foram desligados, mas estimativas dos próprios colaboradores colocam esse valor próximo dos 200. A ação ocorreu apenas quatro meses após a empresa atingir o status de unicórnio.

A Creditas, que foi avaliada em US$ 4,8 bilhões em uma rodada pré-IPO de US$ 260 milhões em janeiro, também fez cortes. Houve dispensas na Creditas Auto, sob a justificativa de desempenho abaixo do esperado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos