Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.764,58
    -1.303,97 (-1,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.123,78
    +397,82 (+0,78%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,62
    -0,39 (-0,54%)
     
  • OURO

    1.801,00
    +3,00 (+0,17%)
     
  • BTC-USD

    17.217,44
    +414,66 (+2,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    405,92
    +11,23 (+2,85%)
     
  • S&P500

    3.951,98
    +18,06 (+0,46%)
     
  • DOW JONES

    33.669,30
    +71,38 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.472,17
    -17,02 (-0,23%)
     
  • HANG SENG

    19.450,23
    +635,41 (+3,38%)
     
  • NIKKEI

    27.574,43
    -111,97 (-0,40%)
     
  • NASDAQ

    11.618,00
    +108,50 (+0,94%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4993
    +0,0329 (+0,60%)
     

Omega Energia anuncia aumento de capital de até R$ 1,2 bi

Turbina de energia eólica no Nordeste do Brasil

SÃO PAULO (Reuters) - A Omega Energia anunciou na noite de segunda-feira um aumento de capital no valor mínimo de 850 milhões de reais, podendo alcançar até 1,2 bilhão, segundo comunicado.

Conforme anunciado em junho, o valor mínimo é resultado do compromisso de investimento firmado com a Actis, companhia de investimento em infraestrutura sustentável, que adquiriu cerca de 20% de participação da Omega no mercado secundário e complementará seu investimento com a operação anunciada agora.

O preço do aumento de capital privado é de 16 reais por ação.

Segundo a companhia, os recursos serão destinados a novos investimentos em curso que incluem projetos solares no Brasil e a implantação do complexo eólico Goodnight, no Texas, com previsão de entrar em operação ao final de 2023.

"O complexo eólico Goodnight pode alcançar até 531 MW e é o primeiro investimento da Omega nos EUA, que espera manter seu forte crescimento nos próximos anos com atuação nos dois maiores mercados das américas", afirmou.

(Reportagem de Roberto Samora, texto de Nayara Figueiredo)