Mercado fechará em 2 h 25 min
  • BOVESPA

    112.688,76
    +2.439,03 (+2,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.393,31
    +565,18 (+1,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,94
    +1,45 (+2,06%)
     
  • OURO

    1.778,40
    +0,20 (+0,01%)
     
  • BTC-USD

    43.140,93
    +1.038,65 (+2,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.079,64
    +39,16 (+3,76%)
     
  • S&P500

    4.400,71
    +46,52 (+1,07%)
     
  • DOW JONES

    34.310,01
    +390,17 (+1,15%)
     
  • FTSE

    7.083,37
    +102,39 (+1,47%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.135,75
    +111,75 (+0,74%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1939
    +0,0148 (+0,24%)
     

Olimpíada de Tóquio | Judoca Mayra Aguiar é 1ª brasileira com 3 medalhas individuais; veja lista dos maiores medalhistas do Brasil

·2 minuto de leitura
Mayra Aguiar
Mayra Aguar ganhou bronze em Tóquio 2021, repetindo o que havia feito nas últimas duas olimpíadas

A judoca brasileira Mayra Aguiar se tornou a primeira atleta mulher brasileira a conseguir três medalhas olímpicas em esportes individuais. Nesta quinta-feira (29/07), ela derrotou a sul-coreana Hyunji Yoon com um ippon com imobilização na categoria até 78kg em Tóquio 2021.

Mayra Aguiar já havia conquistado medalhas de bronze nos Jogos de Londres 2012 e Rio 2016. Ela conseguiu a vaga na repescagem, após perder para a alemã Anna-Maria Wagner, que também terminou o torneio com bronze.

A gaúcha de 29 anos entrou na lista dos 16 atletas brasileiros com mais medalhas olímpicas na história (confira o ranking abaixo nesta reportagem). Ela é apenas a segunda mulher a aparecer na lista, abaixo de Hélia Souza, a Fofão do Vôlei, que também ganhou três medalhas (uma de ouro e duas de bronze).

Ela também se tornou a judoca brasileira com mais medalhas olímpicas. O judô é o esporte que mais rendeu pódios ao Brasil em olimpíadas: foram 24.

Confira a lista dos atletas brasileiros que mais ganharam medalhas em Jogos.

Dois atletas com cinco medalhas:

1. Robert Scheidt (Vela): dois ouros (Atlanta 1996 e Atenas 2004), duas pratas (Sydney 2000 e Pequim 2008) e um bronze (Londres 2012)

2. Torben Grael (Vela): dois ouros (Atlanta 1996 e Atenas 2004), uma prata (1984 Los Angeles) e dois bronzes (Seul 1988 e Sydney 2000)

Dois atletas com quatro medalhas:

3. Serginho (Vôlei): dois ouros (Atenas 2004 e Rio 2016) e duas pratas (Pequim 2008 e Londres 2012)

4. Gustavo Borges (Natação): duas pratas (Barcelona 1992 e Atlanta 1996) e dois bronzes (Atlanta 1996 e Sydney 2000)

Doze atletas com três medalhas:

5. Marcelo Ferreira (Vela): dois ouros (Atlanta 1996 e Atenas 2004) e um bronze (Sydney 2000)

6. Dante (Vôlei): um ouro (Atenas 2004) e duas pratas (Pequim 2008 e Londres 2012)

6. Giba (Vôlei): um ouro (Atenas 2004) e duas pratas (Pequim 2008 e Londres 2012)

6. Rodrigão (Vôlei): um ouro (Atenas 2004) e duas pratas (Pequim 2008 e Londres 2012)

6. Bruno (Vôlei): um ouro (Rio 2016) e duas pratas (Pequim 2008 e Londres 2012)

10. Ricardo (Vôlei de praia) um ouro (Atenas 2004), uma prata (Sydney 2000) e um bronze (Pequim 2008)

10. Emanuel (Vôlei de praia): um ouro (Atenas 2004), uma prata (Londres 2012) e um bronze (Pequim 2008)

12. Fofão (Vôlei feminino): um ouro (Pequim 2008) e dois bronzes (Atlanta 1996 e Sydney 2000)

12. César Cielo (Natação): um ouro (Pequim 2008) e dois bronzes (Pequim 2008 e Londres 2012)

12. Rodrigo Pessoa (Hipismo): um ouro (Atenas 2004) e dois bronzes (Atlanta 1996 e Sydney 2000)

15. Isaquias Queiroz (Canoagem): duas pratas (Rio 2016) e um bronze (Rio 2016)

16. Mayra Aguiar (Judô): três bronzes (Londres 2012, Rio 2016 e Tóquio 2021)

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos