Mercado fechado

Olhe para cima: alinhamento entre 5 planetas poderá ser visto a olho nu

Olhe para cima; raro alinhamento entre 5 planetas poderá ser visto a olho nu
Olhe para cima; raro alinhamento entre 5 planetas poderá ser visto a olho nu
  • A conjunção planetária ocorre entre Saturno, Júpiter, Marte, Vênus e Mercúrio;

  • O alinhamento ocorre na madrugada desta sexta-feira (24) para sábado (25)

  • O fenômeno poderá ser visto de todo o Brasil sem auxílio de telescópio ou binóculos.

Na madrugada desta sexta-feira (24) para sábado (25), um raro alinhamento planetário entre Saturno, Júpiter, Marte, Vênus e Mercúrio poderá ser visto em todo o Brasil sem auxílio de telescópio ou binóculos. O fenômeno, cientificamente conhecido como conjunção, já está ocorrendo há dias, mas somente nesta madrugada os planetas estarão em perfeita formação.

De acordo com o pesquisador e proprietário do Observatório Espacial Heller & Jung, Carlos Fernando Jung, a Lua também fará parte da composição, ficando situada entre Vênus e Marte no céu. Netuno e Urano estarão alinhados com os demais, porém são muito pequenos e escuros para serem observados da Terra.

O pesquisador explica as condições necessárias para que ocorra o fenômeno.

"Esse fenômeno exige que as órbitas dos planetas e, inclusive, da Lua estejam favoráveis a essa iluminação do Sol. Os planetas aparecem em um pequeno setor do céu ao mesmo tempo", explica Jung.

Rodolfo Langhi, coordenador do Observatório de Astronomia da Unesp (Universidade Estadual Paulista) destaca o melhor momento para a observação do fenômeno.

"Mercúrio e Vênus, por exemplo, não são vistos em horários avançados da noite, pois sempre aparecem no céu em regiões mais próximas do Sol, pelo fato de terem órbitas mais próximas do Sol do que a Terra. Isso significa que eles serão visíveis em momentos pouco antes do Sol nascer ou pouco depois do Sol se pôr, ou seja, ou no fim da madrugada ou no início da noite", explica o astrônomo.

Apesar do último alinhamento desse tipo ter ocorrido há pouco mais de dois anos, os brasileiros que tiverem interesse em observar a conjunção devem se programar, uma vez que os próximos estão previstos para 2040 e 2854.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos